Menu
Menu
Busca terça, 23 de julho de 2024
Secovi - Julho24
Saúde

MS mantém faixa etária de vacinação contra dengue; saiba quem pode

No Estado, o imunizante é exclusivo para crianças e adolescentes de 10 a 14 anos

24 junho 2024 - 15h27Brenda Leitte

A secretaria estadual de Saúde decidiu, nesta segunda-feira (24), manter a faixa etária de vacinação contra a dengue em Mato Grosso do Sul.

No último sábado (22), o Ministério da Saúde autorizou ampliar o público-alvo da campanha de vacinação contra a doença em estados e municípios com doses prestes a vencer. No entanto, segundo a SES, as doses de vacinas contra a dengue prestes a vencer já foram administradas em pacientes de Mato Grosso do Sul.

Ao todo, o Estado tinha 3.790 doses do lote que venceria no fim deste mês. Entretanto, os imunizantes foram enviados e aplicados em moradores de Corumbá, Ladário e Chapadão do Sul.

A campanha de vacinação contra dengue em Mato Grosso do Sul é exclusiva para todas as crianças e adolescentes de 10 anos completos a 14 anos de idade (14 anos, 11 meses e 29 dias). São duas doses, com intervalo de 90 dias entre elas.

De acordo com a SES, caso a criança ou adolescente tenha sido diagnosticada com dengue, é necessário aguardar seis meses para iniciar o esquema vacinal. Se houve a contaminação por dengue após a primeira dose, deve-se manter a data prevista para a segunda dose, desde que haja um intervalo de 30 dias entre a infecção e a segunda dose.

Ampliação nacional

O Ministério da Saúde recomendou que os governos locais liberem, de forma preferencial, a aplicação de doses da vacina contra a dengue para crianças e adolescentes de 6 a 16 anos. A medida vale para as localidades que tenham lotes com vencimento em 30 de junho e 31 de julho.

A ampliação temporária do público-alvo já havia sido adotada em abril, diante da baixa procura e da proximidade do vencimento de lotes. À época, a medida serviu para evitar o desperdício de imunizantes com validade até 30 de abril.

O Ministério da Saúde não informou quantas doses estão disponíveis com vencimento em junho e julho. Também não disse quais são os estados e municípios com lotes prestes a vencer.

 

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp. Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no IOS ou Android.

Reportar Erro
Digix - Julho24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ministério da Saúde
Saúde
Ministério da Saúde retoma obras em Mato Grosso do Sul
Ilustrativa
Cidade
Prefeitura de Campo Grande oferece R$ 250 mil para programa de castração de animais
O participante deve, obrigatoriamente, portar jaleco
Saúde
Prova do 'Revalida' para médicos ocorre neste fim de semana
Vacina contra a covid
Saúde
Shopping e mercado: veja onde se vacinar neste sábado na Capital
Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Saúde
Funsau convoca mais 20 enfermeiros para o Hospital Regional
Capital tem plantão de vacinação em shoppings no fim de semana
Saúde
Capital tem plantão de vacinação em shoppings no fim de semana
Teste de Covid-19
Saúde
Covid-19 em MS: sem mortes pela quarta semana, Estado tem queda nos casos
Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Saúde
MP quer pormenores sobre Hospital Regional
Saúde e Bem-Estar: Dr. Paulo André apresenta perspectivas para o Servan
Saúde
Saúde e Bem-Estar: Dr. Paulo André apresenta perspectivas para o Servan
Ministra da Saúde, Nísia Trindade
Saúde
Ministra da Saúde comemora dados da imunização infantil

Mais Lidas

Sala de atendimento da DEPCA
Polícia
Adolescente é esfaqueado pela mãe e fica com as vísceras expostas na Capital
Kauã morreu horas após dar entrada no hospital
Polícia
Adolescente esfaqueado pela própria mãe morre em hospital de Campo Grande
Aeroportos, como o de Madri, na Espanha, foram os locais mais afetados com o apagão
Geral
Apagão cibernético 'para o mundo' e deixa bancos, aeroportos e serviços inoperantes
Joe Biden
Internacional
Joe Biden desiste da campanha à reeleição