Menu
Busca segunda, 06 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Saúde

Novos casos e mortes globais de Covid-19 continuam caindo

Os dados constam do relatório semanal da Organização Mundial da Saúde

13 abril 2022 - 08h49Camila Farias - Da Agência Brasil
Sebrae Materia

O número de novos casos confirmados e óbitos causados pela covid-19 continuou diminuindo globalmente na semana passada, segundo dados divulgados hoje (13) no relatório epidemiológico semanal da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Esta é a terceira semana consecutiva em que os dois indicadores caem. Últimas taxas estão em 24% e 18%, respetivamente.

O total global da semana passada foi de 7 milhões de novos casos de covid-19 e mais de 22 mil mortes, com declínios observados em todas as regiões.

Com isso, o número total de pessoas infectadas desde o início da pandemia, e que passaram por teste diagnóstico sobe para 496 milhões, enquanto as mortes chegam a 6 milhões globalmente.

A OMS insistiu que essas tendências positivas devem ser interpretadas com cautela, na medida em que muitos países estão mudando a estratégia de testagem e os testes diminuíram consideravelmente, levando à detecção de menos casos dos que os que realmente existem.

Na semana passada, os Estados Unidos registraram o maior número de mortes (3.682), seguidos pela Coreia (2.186), Rússia (2.008), Alemanha (1.686) e o Brasil (1.120).

A Europa e a região do Pacífico Ocidental, que inclui a China, tiveram as maiores quedas no número de casos, ambos de 26%.

A África foi o continente com o declínio mais acentuado nos óbitos (-40%).

No mesmo relatório, a OMS informa que continua a monitorar várias subvariantes da Ômicron, que representa 99,2% de toda a sequenciação genética no mundo.

Dessa forma, os cientistas estão acompanhando a evolução das subvariantes BA.1, BA2, BA3, bem como as mais recentes BA.4 e BA.5, e das formas recombinada de BA.1 e BA.2, a fim de determinar as características e compreender o possível impacto na saúde pública.

A OMS também confirmou que embora a Ômicron possa contornar a imunidade oferecida pelas vacinas, elas continuam a ser eficazes na prevenção de doenças graves e na hospitalização.

Sebrae Materia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Confira a escala de plantão de médicos nas UPAs e CRSs nesta segunda-feira
Saúde
Casos de SRAG têm queda em todo o país
Saúde
Saúde recebe mais de 1 milhão de doses da Coronavac infantil
Saúde
Procurando médico? Saiba onde encontrar e quais UPAs e CRSs atendem hoje
Saúde
OMS elabora acordo para evitar disputas futuras por vacinas durante pandemias
Saúde
Anvisa proíbe circulação de pomadas de cabelo que causam efeitos adversos graves
Saúde
Saúde divulga cronograma do Programa Nacional de Vacinação 2023
Saúde
Saiba onde encontrar médicos nas UPAs e CRSs da Capital nesta quarta-feira
Saúde
Covid: mais 7 pessoas morreram na última semana em MS
Saúde
Campo Grande é a 3ª cidade do Centro-Oeste com a maior oferta de auriculoterapia

Mais Lidas

Polícia
JD1TV: Corpo é queimado em meio ao lixo no Santa Emília
Polícia
Queimado no Santa Emília foi "embrulhado" em sofá para ser carbonizado
Polícia
Jovem é esfaqueado e tem vísceras expostas no Itamaracá
Polícia
Esfaqueamento no Jardim Itamaracá foi motivado por ventilador roubado