Menu
Busca segunda, 25 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Saúde

Plano de testagem é lançado em seis cidades brasileiras, incluindo Campo Grande

Resultados do plano devem monitorar os índices de contágio e variantes do novo coronavírus

17 setembro 2021 - 12h59Da Redação, com Agência Brasil

Foi lançado hoje (17), pelo Ministério da Saúde, o plano Nacional de Testagem da Covid-19 em seis cidades brasileiras, com a distribuição de 4 milhões de testes rápidos de antígeno. Até o fim do ano, a previsão é de distribuir 60 milhões de testes para identificar casos sintomáticos e assintomáticos na população geral e em grupos de maior vulnerabilidade. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, participou da cerimônia de lançamento em Natal. O evento foi realizado de forma simultânea também em Porto Velho, Campo Grande, Macapá, Belo Horizonte e Foz do Iguaçu, no Paraná.

Os resultados do plano servirão para monitorar os índices de contágio e as variantes do novo coronavírus e orientar sobre medidas de controle da circulação do vírus nas cinco regiões do país. Quem fizer teste e tiver resultado positivo terá que iniciar o isolamento social. “Aquele que é negativo pode voltar às suas atividades normais e, assim, conciliaremos o binômio saúde e economia, para que nosso país volte a crescer”, disse Queiroga.

A testagem será reforçada nas unidades básicas de saúde para pacientes com sintomas e em pontos de triagem em locais de grande circulação para pessoas assintomáticas. O teste de antígeno é feito com amostras de swab (cotonete) de nasofaringe, fica pronto em 15 minutos e consegue diagnosticar a infecção viral atual, mas não detecta os anticorpos adquiridos.

Em agosto, o ministério realizou o projeto piloto do plano em Brasília, com a testagem de 217 voluntários. O resultado foi que 94,9% dos testes tiveram negativo para covid-19, e 5,1% daqueles cujo exame deu positivo receberam atestados médicos e foram encaminhados para o isolamento em casa.

Estratégia 

Segundo o ministro, a estratégia  do Ministério da Saúde engloba ainda a Pesquisa de Prevalência de Infecção por Covid-19 no Brasil (PrevCov), lançada em maio, que envolve a testagem em 62.097 domicílios de 274 municípios, o equivalente a 211.129 pessoas. Mais de 30 mil já foram testadas para identificar a presença de anticorpos do tipo IgG para a covid-19, apontando quem já foi infectado ou desenvolveu resposta imunológica após a vacinação.

“Vamos vencer o nosso único inimigo que é o vírus. E estamos conseguindo, vacinando a população e agora ampliando nossa capacidade de testagem”, afirmou o ministro.

De acordo com Queiroga, a infraestrutura de testagem também foi reforçada em todo o país, com investimentos do ministério nos laboratórios centrais de saúde, para a realização de exames do tipo RT-PCR, que também detectam a infecção enquanto ainda está ativa.

Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Vídeo: Secretário de Saúde chama adolescentes para multivacinação neste sábado
Saúde
Sábado tem vacinação em mais de 20 pontos de Campo Grande
Saúde
Liberado certificado de vacinação para quem tomou vacinas diferentes
Saúde
Vacinação acontece em mais de 20 pontos neste sábado
Saúde
Sem Casos de Covid, Estado tem saldo negativo nesta sexta
Saúde
Brasil recebe nova remessa de vacinas da Pfizer
Saúde
Vacina contra a Covid estará disponível em 41 pontos
Saúde
Veja a escala de plantão médico nas UPAs nesta sexta
Saúde
Covid: Nova variante, mais contagiosa que Delta, é descoberta
Saúde
Estudo do Butantan em Serrana mostra 99% de efetividade da CoronaVac

Mais Lidas

Vídeos
Tempestade atinge Bodoquena agora
Vídeos
Granizo em Dois Irmãos
Vídeos
Tempestade com granizo atinge Campo Grande agora
Vídeos
Vídeo: Fogo na fiação elétrica deixa funcionário da Energisa preso em uma 'chuva' de faísca