Menu
Busca segunda, 18 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Tecnologia

Hacker compra 502 iPhones por cerca de US$ 0,03

O hacker aproveitou uma falha da Apple para efetuar a compra

24 setembro 2018 - 07h11Agência EFE

Um hacker de Taiwan se beneficiou de uma falha na loja online da gigante americana Apple e comprou 502 iPhones por 1 novo dólar taiwanês (cerca de US$ 0,03), segundo informou na quinta-feira (20) a rede de televisão do país "TVBS".

O engenheiro da computação Chang Chi-yuan, que já havia conseguido comprar outro iPhone muito mais barato do que o preço de venda em 2016, publicou em sua página no Facebook três imagens comprovando a aceitação da transação de compra.

No total, segundo as imagens mostradas pela emissora, Chang pagou esse irrisório valor por 500 unidades do iPhone 8 de 256 GB e duas do iPhone XS Max de 512 GB, que valiam no total cerca de 16,6 milhões de novos dólares taiwaneses (cerca de US$ 539 mil), embora depois de receber a aprovação, ele cancelou a compra.

Chang ficou famoso internacionalmente em 2013, quando conseguiu eliminar publicações do fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, utilizando um bug que tinha descoberto e depois ignorado pelos técnicos da rede social.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tecnologia
Capital sediará evento para o progresso da ciência
Tecnologia
Em 2018, TV por assinatura perde 550 mil clientes
Tecnologia
Zuckerberg quer unificar WhatsApp, Instagram e Messenger através de mensagens
Tecnologia
Reinaldo destaca importância da tecnologia para serviços do Detran
Brasil
Presidente eleito diz que terá parceria de Israel em projeto piloto
Tecnologia
Temer lança primeira etapa do Satélite Geoestacionário de Defesa
Tecnologia
Celulares irregulares serão bloqueados hoje em MS
Tecnologia
Internet boa pra poucos ou ruim para todos?
Tecnologia
UFMS e FAPEC tem evento sobre tecnologia

Mais Lidas

Polícia
Desaparecimento de jovem ainda é um mistério para a polícia
Saúde
Câncer de ovário tem sintomas discretos e pode evoluir rapidamente
Geral
PM e PF apreendem contrabando de celulares avaliado em R$ 3 milhões
Geral
Boechat morreu de politraumatismo, aponta laudo do IML