Menu
Busca terça, 28 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
Gov - Estado que Cresce (set21)
Vídeos

Vídeo: Em ato, 2 milhões de vacinas são comemoradas

Com avanço, Reinaldo diz que vida "normal", pode voltar até o fim do ano

12 julho 2021 - 10h43Da Redação

Mato Grosso do Sul chegou a marca de duas milhões de doses aplicadas, e o governador Reinaldo Azambuja agradeceu na manhã desta segunda-feira (12), durante ato promovido pela Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems). “Podemos comemorar as duas milhões e trinta e quatro mil doses, através do fruto de uma corrente de solidariedade e responsabilidade de todos”, declarou.

Foram 1.254.918 milhões de pessoas imunizadas pelo menos com a primeira dose, representando 51,54% da população, 193.165 vacinados com dose única e 552.563 com a D2, sendo 26,54% completamente imunizadas com as duas doses dos imunizantes da Coronavac, Pfizer e Janssen.

Com o avanço da vacinação, Reinaldo afirmou que espera que a vida volte ao “normal”, nos próximos meses, assim como a volta as aulas da Rede Estadual de Ensino (REE), conforme as normas do Prosseguir. Questionado pelo JD1 sobre se a população pode esperar um final de ano sem restrições, o governador comentou. “O Prosseguir vai dizer, acredito que sim".

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, destacou a eficiência de Mato Grosso do Sul na aplicação das vacinas. “Nossa projeção é que em agosto 80% dos sul-mato-grossenses tenham sido vacinados com pelo menos uma dose. Somos exemplo para todo o país na distribuição e aplicação das vacinas”, disse.

Presente no ato, o secretário de Saúde Municipal, José Mauro afirma que nada disso seria importante se não houvesse funcionários dispostos a fazer o trabalho e ressalta. “Essa doença em Campo Grande não está sob controle, nós precisamos vacinar as pessoas rapidamente, nós precisamos das medidas de precaução", lembra.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, apontou o apoio que o órgão vem dando a vacinação e comemorou a imunização dos trabalhadores da indústria. “Hoje estamos iniciando a aplicação acima de 23 anos, nós entendemos que esse avanço fez com que a indústria não parasse nenhum dia”, afirmou.

Ainda de acordo com Longen, o papel da Fiems é importante tanto na capital como nos municípios do Estado. “A Federação teve vários papéis, como a ação de testagem em massa nas cidades, apoio aos drives-thrus, doação de cilindro de oxigênio e álcool 70%, atuando sobre maneira a fazer diferença na campanha de vacinação em Mato Grosso do Sul”, finalizou.

MS como destaque

Em entrevista à CNN, Reinaldo Azambuja, destacou que com o ritmo acelerado de vacinação, o estado tem registrado uma queda significativa nas novas infecções e internações pela doença.  “O avanço da vacinação e a sintonia que nós fizemos com todos os municípios fez com que diminuísse bastante nos últimos dias os níveis de infecções e, em consequência, as internações. O ritmo de vacinação no Mato Grosso do Sul está indo muito bem”, explicou ele.

Sobre a disseminação da variante Delta no estado, Azambuja disse que ampliando o nível de vacinação, a imunização coletiva será cada vez maior. Ele afirmou também que o Mato Grosso do Sul deve vacinar com a primeira dose todos os adultos moradores do estado até o final de agosto.

“O Mato Grosso do Sul tem divisa com cinco estados e dois países, Bolívia e Paraguai, e as fronteiras dificultam controlar o ir e vir das pessoas [porque] as fronteiras têm uma lógica que é das pessoas migrarem de um lado para o outro, mas o grande passo é avançar a vacinação. E quando atingirmos níveis, acredito que no final de agosto, se não faltar doses emitidas pelo ministério [da Saúde], a gente deve atingir praticamente a totalidade das pessoas acima de 18 anos [vacinadas]. Isso ajuda a criar essa base de imunidade coletiva, e os cuidados e barreiras sanitárias continuam.”

Desde o início da Campanha de Imunização Contra a Covid-19, o Governo do Estado recebeu 46 remessas, somando 2.132.700 doses da vacina de quatro laboratórios diferentes: AstraZeneca, Coronavac, Pfizer e Janssen.

Confira a reportagem:

Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vídeos
Vídeo: Mãe leva a filha para brigar por macho no meio da rua
Vídeos
Vídeo: Com loirona na garupa da moto, homem quase apanha da esposa na rua
Vídeos
Vídeo - A Fazenda 13: Nego do Borel pensa em 'desistir de tudo' após expulsão
Vídeos
Vídeo: Homem se joga do sétimo andar de prédio e explode em rede elétrica
Vídeos
Vídeo: Restaurante pega fogo no Carandá Bosque
Vídeos
Vídeo: Filho de Arlindo Cruz fala sobre vicio do cantor em cocaína
Vídeos
Vídeo: Repórter 'chavequeira' passa cantada em entrevistado ao vivo
Vídeos
Vídeo: Noivo cai de cabeça no chão e fratura coluna após ser lançado ao ar
Vídeos
Vídeo: Vacilão bate no rosto da mãe e acaba sendo espancado por grupo de homens
Vídeos
Vídeo: Caminhão não aguenta subida e atinge dois carros na Ricardo Brandão

Mais Lidas

Brasil
Jovem tem dedo amputado após manutenção de unha de Acrigel
Vídeos
Vídeo: Com loirona na garupa da moto, homem quase apanha da esposa na rua
Polícia
Rapaz de 19 anos é preso após ser flagrado na cama com menina de 13 anos
Polícia
Morador de MS morre após carro cair de pontilhão em São Paulo