Menu
Busca quarta, 16 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
IPVA Grande
Economia

Capacidade de armazenamento de alimentos cai 0,6%, diz IBGE

Os silos predominaram no segundo semestre com 78,8 milhões de toneladas

12 junho 2018 - 08h46Agência Brasil

A capacidade útil disponível no país para armazenamento de alimentos caiu 0,6% do primeiro para o segundo semestre de 2017, totalizando 167 milhões de toneladas. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (12), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os silos predominaram no segundo semestre com 78,8 milhões de toneladas, o que representa 47,2% da capacidade útil total do país. Apesar disso, houve uma queda de 0,5% na capacidade desse tipo de local de estocagem.

Os armazéns graneleiros e granelizados, responsáveis por 37,8% da armazenagem nacional, atingiram 63,1 milhões de toneladas de capacidade útil armazenável, apresentando crescimento de 0,1%.

Já os aos armazéns convencionais, estruturais e infláveis, somaram 25,1 milhões de toneladas, uma queda de 2,5% em relação ao primeiro semestre de 2017.

Alimentos estocados

O estoque de produtos agrícolas cresceu 28% no segundo semestre de 2017, na comparação com o mesmo período do ano anterior, ao passar de 24,6 milhões de toneladas armazenadas no segundo semestre de 2016 para 31,5 milhões no segundo semestre de 2017.

Entre os produtos agrícolas, o maior volume estocado foi o de milho (13,8 milhões de toneladas), seguido pela soja (8,5 milhões), trigo (3,8 milhões), arroz (2,1 milhões) e café (971,3 mil toneladas).

Em relação ao segundo semestre de 2016, os estoques dos principais grãos do país tiveram aumento no segundo semestre de 2017: milho (63,8%), soja (36,1%) e arroz (48,5%).

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Restituição do Imposto de Renda começa a pagar hoje R$ 667 milhões
Economia
Dólar tem queda de 0,41%
Economia
Construção civil tem inflação de 4,41% em 2018
Economia
Prêmio de R$ 12 milhões será sorteado hoje na Mega-Sena
Economia
Dólar sobe pelo 2º dia consecutivo
Economia
Dólar fecha em alta, a R$ 3,709
Economia
Em MS, 15% da população pode migrar para tarifa branca
Economia
Dólar cai e fecha o dia valendo R$ 3,688
Agronegócio
MS tem 12 cidades entre os maiores produtores do agronegócio brasileiro
Economia
Valor da cesta básica sobe 15,46% na capital, aponta Dieese

Mais Lidas

Polícia
Após corte de energia em “região proibida”, dois funcionários são executados
Polícia
Suspeito de matar merendeira já foi preso por morder genitália de vizinha
Geral
“Não compensa”, diz sindicalista sobre tempo integral no governo
Cidade
Motorista de ônibus morre em acidente na BR-163