Menu
Busca quarta, 23 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS setembro20
Economia

Jornal: Gol é multada em R$ 575 mil nos EUA por ferir direito do consumidor

27 novembro 2013 - 11h34Via Terra
A Gol foi multada em US$ 250 mil (R$ 575,8 mil) pelo governo dos EUA por ferir direitos de passageiros em seu site em inglês, de acordo com informações do jornal Folha de S.Paulo publicadas nesta quarta-feira. Conforme a publicação, a multa é a maior desde a entrada em vigor das regras de proteção de passageiros americanos de abril de 2011.

O jornal afirma que os problemas estão relacionados à falta de informações que deveriam ter sido publicadas no site da Gol, que não teria discriminado corretamente taxas e tarifas que compõe o preço final das passagens. O site também não exibia o contrato de serviço de transporte em local acessível. Outra queixa era de que a empresa teria descumprido a lei ao deixar de informar ao consumidor sobre como fazer reclamação. Ao jornal a Gol disse que fez ajustes no site para clientes situados nos EUA e que, desde o fim de 2012, não houve nenhuma reclamação de consumidores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Vídeo mostra protesto em Pedro Juan
Economia
FGTS está na conta dos trabalhadores nascidos em dezembro
Economia
Nascidos em julho recebem auxílio hoje e poderão sacar em outubro
Economia
Brasil e Paraguai assinam acordo para reabrir a fronteira
Economia
Pagamentos do Ciclo 1 do auxílio emergencial estão concluídos
Economia
Sidrolândia ganha unidade produtora de leitões que vai gerar 100 empregos
Economia
Caixa paga auxílio para 3,9 mi de beneficiários hoje; veja quem recebe
Economia
Comércio na fronteira terá liberação "meia boca"
Economia
Caixa paga abono salarial nesta segunda; veja quem recebe
Economia
FGTS: Caixa deposita hoje para trabalhadores nascidos em novembro

Mais Lidas

Cidade
Jovem morre 4 dias após ser atingido por caminhonete em Campo Grande
Geral
Mauro Clementino, pastor da Terceira Batista, morre de coronavírus
Polícia
Antes de tirar a vida, Jorge disse ao pai que iria comprar celular no shopping
Polícia
"Não foi tiro", polícia conclui que menina de 7 anos sofreu ferimento no rosto ao cair de muro