Menu
Busca quinta, 06 de outubro de 2022
(67) 99647-9098
Justiça

TSE manda plataformas retirarem posts sobre o "kit gay"

Alexandre de Moraes defendeu que a liberdade de expressão não permite a difusão de notícias falsas

22 setembro 2022 - 18h11Pedro Molina

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou nesta quinta-feira (22), atendendo a um pedido feito pelo PT, que as redes sociais apaguem qualquer tipo de publicações que façam referência à fake news do “kit gay”.

“A liberdade de expressão não permite a propagação de notícias fraudulentas”, afirmou o presidente do TSE, o ministro Alexandre de Moraes. “O cenário sombrio que reforça esses comportamentos preconceituosos é que o TSE vem combatendo”, completou.

A decisão teve votos a favor por maioria da Justiça Eleitoral, que determinou que os conteúdos sejam retirados pelas plataformas, além de estabelecer uma multa diária de R$ 5 mil em caso de descumprimento da decisão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
TJ é primeiro do país, a receber certificações ISO
Justiça
Ex-funcionária da Caixa diz ao MPF que jurídico do banco já sabia de abusos
Justiça
Ministro da Justiça pede a PF abertura de inquérito contra institutos de pesquisa
Justiça
STF decide que IR não pode ser cobrado em pensão alimentícia
Justiça
É lei: Pets shops e clínicas deverão divulgar canais de denúncia contra maus tratos
Justiça
Responsável por tingir cachoeira de azul em MT será multado em R$ 10 mil
Justiça
MPT pede que ex-presidente da Caixa pague R$ 30,5 milhões por assédio
Justiça
TSE proíbe o transporte de armas e munições nas eleições
Justiça
TSE proíbe transporte de armas e munições nas eleições
Justiça
Anvisa proíbe uso de lotes de substância que contaminou petisco de cães

Mais Lidas

Política
Marquinhos quer manter controle da prefeitura
Geral
Sai a lista sêxtupla da OAB
Polícia
JD1TV: Pedestre morre após ser atropelado por moto na Ceará
Polícia
Corpo de homem é encontrado queimado em rua do Nova Lima