Menu
Busca sexta, 18 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Economia

Banco Central cria PL para modernizar mercado de câmbio

Objetivo é melhorar ambiente de negócios no país

07 outubro 2019 - 15h55Sarah Chaves, com informações da Agência Brasil

O Banco Central (BC) propôs projeto de lei (PL) para modernização do mercado de câmbio. Segundo o BC, o projeto “tem por objetivo instituir um novo marco legal, mais moderno, mais conciso e juridicamente seguro para o mercado de câmbio e de capitais estrangeiros no Brasil e brasileiros no exterior”.

O PL foi encaminhado hoje à Câmara dos Deputados por meio de Mensagem nº 483, do presidente da República, Jair Bolsonaro. “Caso venha a ser aprovado pelo Congresso Nacional, o PL permitirá a melhoria do ambiente de negócios no país trazendo simplificação e agilidade para todos os que lidam com operações internacionais. O PL também permitirá que modelos de negócios inovadores possam ser implantados com segurança jurídica, aumentando a competição e propiciando a oferta de serviços mais eficientes para o mercado de câmbio e para operações relacionadas aos capitais estrangeiros”, diz o BC, em nota.

Uma das mudanças é a possibilidade de ter contas de depósito em reais e em moeda estrangeira, e de contas de custódia tituladas por organismos internacionais, bem como contas em reais de depósito e de custódia tituladas por bancos centrais estrangeiros e por instituições domiciliadas ou com sede no exterior que prestem serviços de compensação, liquidação e custódia no mercado internacional. 

Segundo o BC, o projeto consolida em lei única mais de 40 dispositivos legais, editados desde 1920, “que apresentam comandos dispersos e eventualmente obsoletos, que aumentam a insegurança jurídica do público e não contemplam as mudanças tecnológicas em curso e as necessidades atuais da economia brasileira”.

O Projeto também possibilita eliminar exigências criadas há mais de 50 anos, em contextos econômicos superados e configuração das relações econômicas mundiais totalmente diferentes das atuais, e que se tornaram entraves à atividade econômica, propiciando ambiente de negócio desburocratizado e mais atrativo, inclusive para o capital estrangeiro.

A proposta permite adotar requerimentos proporcionais aos valores dos negócios e aos riscos envolvidos. Permite racionalizar as exigências para os investimentos estrangeiros no Brasil, bem como para os investimentos brasileiros no exterior. Também aprimora as regras para que o Banco Central obtenha informações para a compilação de estatísticas.

Finalmente, o PL deverá facilitar a participação de investidores estrangeiros nos mercados financeiro e de capitais ao tornar mais eficiente o processo de registros no Banco Central, diz a autoridade monetária.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
IRPF: 330 mil contribuintes receberão cartas da Receita Federal
Economia
Cartão PNAE é lançado para escolas públicas comprarem merenda
Economia
Com pré-sal e Lei Kandir, Reinaldo quer potencializar investimentos
Economia
MS acumula US$ 2,2 bilhões em balança comercial de janeiro a setembro
Economia
Receita paga nesta terça-feira restituições do 5º lote do IR 2019
Economia
Governo confirma desbloqueio extra de R$7,3 bi no orçamento
Economia
Vagas temporárias de emprego para o Natal terão maior oferta dos últimos seis anos
Economia
Caixa "rouba" 7 bilhões ao ano para cuidar de FGTS, denuncia Maia
Economia
Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 30 mi nesta segunda-feira
As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa
Economia
Acordo Mercosul-UE pode impactar economia brasileira em US$ 79 bi

Mais Lidas

Polícia
Assalto em aeroporto leva pânico a passageiros e deixa dois seguranças baleados
Geral
Condutora bate carro no muro do Detran em exame para tirar a CNH
Polícia
Briga em bar termina com dois homens esfaqueados
Esportes
Vascaínos são espancados por flamenguistas em posto