Menu
Busca quinta, 24 de junho de 2021
(67) 99647-9098
Senar - junho21
Esportes

Copa-2014 e Bom Senso antecipam finais e reduzem jogos de estaduais

17 janeiro 2014 - 12h23Via Uol
A Copa do Mundo e o Bom Senso FC mexeram com os campeonatos estaduais da elite do futebol brasileiro. Nos torneios deste ano, por causa do Mundial da 2014 e após protestos de jogadores, as finais acontecerão mais cedo e o número de jogos, na média, será menor.

As informações são do site Uol Esporte com base na tabela dos nove campeonatos dos estados que têm times na primeira divisão do campeonato brasileiro: Bahia, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás, Minas Gerais, Paraná, São Paulo e Pernambuco. Nos noves estaduais, as finais foram antecipadas. Em seis, o número de jogos também caiu.

Só o Campeonato Baiano e o Mineiro mantiveram o mesmo número de datas para jogos de 2013 para 2014. Já o Pernambucano foi o único que ampliou sua quantidade de rodadas: de de 24 para 32.

O Campeonato Paulista, por exemplo, terá 19 datas para jogos em 2014, contra 23 na sua edição passada. O Carioca terá 19 rodadas em 2014, contra 21 em 2013. Os dois torneios, assim como todos os outros analisados pela reportagem, mantiveram o número de equipes participantes.

Todos os torneios também realizarão sua partida final em meados de abril. No ano passado, os campeonatos terminaram em maio. A antecipação é necessária por causa da paralisação do calendário do futebol brasileiro motivada pela Copa do Mundo de 2014, que começa no dia 12 de junho e termina em 13 de julho.

Insatisfação de atletas
Apesar das mudanças nos campeonatos estaduais, integrantes do movimento Bom Senso FC avaliam que o corte no número de jogos ainda é muito tímido. Para os jogadores, o ideal é que estaduais tivessem sete datas, contra as cerca de 20 atuais.

Levantamento feito pelo Bom Senso mostra que, em 2014, um clube no Brasil entrará em campo 83 vezes se chegar às finais de todas as competições que disputar. Na Alemanha, uma equipe atua no máximo 55 vezes por temporada.

Por isso, os jogadores esperam ainda mais mudanças para 2015. No ano que vem, não haverá Copa do Mundo e, portanto, existirá mais espaço para remanejamento de datas de campeonatos.

Federações estaduais de futebol e CBF já sinalizaram alterações no calendário para o ano que vem. Entretanto, resistem a mudanças drásticas em campeonatos.
Senar - square junho21

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Capital será mais um polo do Centro de Referência Paralímpico Brasileiro
Esportes
Copa América registra 140 casos de covid-19, diz Conmebol
Esportes
Flamengo e Bragantino Invictos, duelam neste sábado em partida única do Brasileirão
Esportes
Vídeo: Lucas Lima é flagrado em festa clandestinas e é cobrado por torcedores do Palmeiras
Esportes
Ministério da Saúde confirma 41 casos de covid-19 na Copa América
Esportes
Covid: 5 Jogadores da Venezuela escalados para Copa América testam positivo
Esportes
"Somos contra a organização da Copa América", criticam jogadores da Seleção em texto
Geral
STF pode barrar realização da Copa América no Brasil
Esportes
Copa América: jogadores farão testes de covid-19 a cada 48 horas
Esportes
Bolsonaro quer Renato Gaúcho e articula para a demissão de Tite

Mais Lidas

Polícia
Mãe confessa que matou bebê de 5 meses afogada, em Campo Grande
Polícia
Bebê de 5 meses foi morta afogada, porque mãe drogada queria tirar 'chip da besta'
Polícia
Bebê de 5 meses morre após suspeitas de violência sexual, em Campo Grande
Polícia
Com câncer em estado avançado, idoso comete suicídio na varanda de casa