Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Hemosul, com estoques quase zerados, convoca doadores de Campo Grande

Deu início a convocação de doadores do tipo O- e O+

11 novembro 2019 - 15h53Marya Eduarda Lobo, com informações da assessoria

Iniciou nesta segunda-feira (11) uma convocação aos doadores de Campo Grande para ajudarem na reposição dos estoques de sangue dos tipos O- e O+. Os mesmos se encontram praticamente zerados no Hemocentro Coordenador de Mato Grosso do Sul (Hemosul).

Conforme a gerência de comunicação do Hemosul, na semana passada foi registrada uma média de 90 cadastros por dia, quando ideal seriam 170. A explicação esta na baixa participação dos doadores nos últimos dias.

Para doar sangue é necessário ter em mãos documento oficial com foto, estar bem alimentado, ter mais de 55 quilos, e ter idade entre 16 e 69 anos. Os doadores de 16 e 17 anos, precisam estar acompanhados de um responsável.  

O Hemosul é responsável pelo abastecimento de hospitais públicos e privados de todo o Estado, portanto é imprescindível e imediato o comparecimento dos doadores para a coleta.

Terra Benta

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Reinaldo paga servidores nesta quinta
Geral
Pastor Dinho melhora e já está consciente
Geral
Campo-grandenses têm até 1h da madrugada para "ficar na rua"
Geral
Vitinho Park reabre nesta quarta
Geral
Fazendeiro mata eletricista que cortou luz por inadimplência
Geral
Vídeo - Raíssa perde o controle e joga creme em participantes da Fazenda
Geral
Gaeco cumpre mandados de busca em empresas de MS
Geral
Mulher suspeita que a atual namorada do seu ex-marido tenha envenenado sua gatinha
Geral
Mega-Sena pode pagar R$ 60 milhões no sorteio desta quarta
Geral
Homem cai dentro do córrego durante caminhada

Mais Lidas

Cidade
Vídeo - Famílias perdem tudo em incêndio Noroeste; saiba como ajudar
Cidade
Ação une irmãs do MT e MS em prol de animais do Pantanal
Justiça
Acusado de matar a tia com 24 facadas é condenado a 8 anos de prisão
Polícia
PMA autua pecuarista em R$ 10 mil por animais silvestres em cativeiro