Menu
Busca segunda, 22 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

Queda de avião mata piloto em Ivinhema

O acidente que ocorreu na quinta-feira (29), foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região

03 dezembro 2018 - 07h56Da Redação com Assessoria

Uma equipe da Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, além de peritos, seguiu na manhã deste domingo (2) para o Parque Estadual das Várzeas do Ivinhema, onde ocorreu a queda de um avião há pelo menos dois dias. O acidente que ocorreu na quinta-feira (29), foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região e teria provocado pelo menos uma morte.

Segundo a polícia, Gustavo Henrique da Silva, 23 anos, pilotava o avião de pequeno porte que pertence a um empresário de Goiânia (GO). Outros ocupantes que estariam na aeronave, teriam abandonado o avião após a queda, o deixando trancado com o corpo.

A polícia ainda não sabe qual a causa do acidente, mas já ouviu depoimentos e tem informações para esclarecer algumas circunstâncias. O local de difícil acesso, é uma área de brejo, com muita água e por isso os peritos e policiais tiveram dificuldades para retirar o corpo do piloto, que ficou trancado no avião.

Segundo o delegado regional da Polícia Civil de Naviraí, Claudineis Galinari, o avião pertence a um empresário de Goiânia que já prestou alguns esclarecimentos e são essas informações que ajudam a entender o que aconteceu.

De acordo com a polícia, empresário disse que, na quinta-feira, emprestou a aeronave para o piloto 'Gustavo' buscar dois motores de barco na cidade de Guaíra, no Paraná. A aeronave saiu de Goiânia e o piloto não fez mais contato.

Ainda segundo o do dono da aeronave, na sexta-feira (30), antes mesmo de comunicar as autoridades sobre o desaparecimento, o empresário fez um sobrevoo no local onde o GPS apontava onde estava a avião e conseguiu chegar até a região do acidente.

De acordo com a polícia, quando pousou no parque, o empresário chegou a ser abordado por uma equipe da Polícia Ambiental, mas mesmo assim não falou nada sobre a queda do avião. Ele contou aos militares que ficou com medo da abordagem, por isso não falou sobre o acidente. Segundo o delegado não foi encontrado nada ilícito na aeronave e nem sinais de irregularidade.

O Centro de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) foi notificado pela polícia e hoje começa uma investigação para saber onde esse avião estava indo e as causas do acidente. O proprietário também será investigado, porque soube do acidente mas não comunicou a polícia.

Aeronave

Uma equipe da Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, além de peritos, seguiu na manhã deste domingo (2) para uma área rural de difícil acesso do município, onde ocorreu a queda de um avião há pelo menos dois dias. O acidente, que só foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região, teria provocado pelo menos uma morte.

Além das autoridades policiais, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA ) também foi notificado do caso.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Jovem morre afogado em piscina do Corumbaense Futebol Clube
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ministério da Informação no Afeganistão sofre ataque
Polícia
Mulher é assaltada e estuprada em Dourados
Polícia
Ex-nomeado da Segov é investigado por usar telefone em presídio
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Polícia
De "braços abertos", indígena é atropelada em rodovia
Polícia
Bandidos fingem ser clientes e trabalhadores são feitos reféns
Polícia
PMA multa mulher por colocar fogo em vegetação

Mais Lidas

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Jovem morre afogado em piscina do Corumbaense Futebol Clube
Saúde
Ibuprofeno e cetoprofeno podem agravar infecções
Geral
Mega acumula e poderá pagar R$ 90 milhões na quarta-feira