Menu
Busca sábado, 04 de dezembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS Dez21
Polícia

Queda de avião mata piloto em Ivinhema

O acidente que ocorreu na quinta-feira (29), foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região

03 dezembro 2018 - 07h56Da Redação com Assessoria

Uma equipe da Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, além de peritos, seguiu na manhã deste domingo (2) para o Parque Estadual das Várzeas do Ivinhema, onde ocorreu a queda de um avião há pelo menos dois dias. O acidente que ocorreu na quinta-feira (29), foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região e teria provocado pelo menos uma morte.

Segundo a polícia, Gustavo Henrique da Silva, 23 anos, pilotava o avião de pequeno porte que pertence a um empresário de Goiânia (GO). Outros ocupantes que estariam na aeronave, teriam abandonado o avião após a queda, o deixando trancado com o corpo.

A polícia ainda não sabe qual a causa do acidente, mas já ouviu depoimentos e tem informações para esclarecer algumas circunstâncias. O local de difícil acesso, é uma área de brejo, com muita água e por isso os peritos e policiais tiveram dificuldades para retirar o corpo do piloto, que ficou trancado no avião.

Segundo o delegado regional da Polícia Civil de Naviraí, Claudineis Galinari, o avião pertence a um empresário de Goiânia que já prestou alguns esclarecimentos e são essas informações que ajudam a entender o que aconteceu.

De acordo com a polícia, empresário disse que, na quinta-feira, emprestou a aeronave para o piloto 'Gustavo' buscar dois motores de barco na cidade de Guaíra, no Paraná. A aeronave saiu de Goiânia e o piloto não fez mais contato.

Ainda segundo o do dono da aeronave, na sexta-feira (30), antes mesmo de comunicar as autoridades sobre o desaparecimento, o empresário fez um sobrevoo no local onde o GPS apontava onde estava a avião e conseguiu chegar até a região do acidente.

De acordo com a polícia, quando pousou no parque, o empresário chegou a ser abordado por uma equipe da Polícia Ambiental, mas mesmo assim não falou nada sobre a queda do avião. Ele contou aos militares que ficou com medo da abordagem, por isso não falou sobre o acidente. Segundo o delegado não foi encontrado nada ilícito na aeronave e nem sinais de irregularidade.

O Centro de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) foi notificado pela polícia e hoje começa uma investigação para saber onde esse avião estava indo e as causas do acidente. O proprietário também será investigado, porque soube do acidente mas não comunicou a polícia.

Aeronave

Uma equipe da Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, além de peritos, seguiu na manhã deste domingo (2) para uma área rural de difícil acesso do município, onde ocorreu a queda de um avião há pelo menos dois dias. O acidente, que só foi comunicado à polícia neste sábado (1º), por moradores da região, teria provocado pelo menos uma morte.

Além das autoridades policiais, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA ) também foi notificado do caso.

Senar Agrinho dez21

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
'Zói' é morto a facadas em bar após discussão
Polícia
Polícia resgata periquito que caiu do ninho
Polícia
Auxiliar de pedreiro morre após ser esmagado por laje de obra
Polícia
Homens são presos por fornecerem bebidas para adolescente
Polícia
Policiais recolhem 140 litros de agrotóxico de beira de rodovia em Dourados
Polícia
Emocionados, familiares tentam entender a morte de Kennedy em frente de casa no Caiobá
Polícia
Mais de 720 kg de maconha são apreendidos na MS-164
Polícia
Brasileiro procurado pela Interpol é preso pela PF
Polícia
Conhecido como “Disciplina do PCC”, jovem é assassinado em MS
Polícia
Veículo é apreendido com quase uma tonelada de maconha

Mais Lidas

Polícia
Emocionados, familiares tentam entender a morte de Kennedy em frente de casa no Caiobá
Polícia
Auxiliar de pedreiro morre após ser esmagado por laje de obra
Polícia
Conhecido como “Disciplina do PCC”, jovem é assassinado em MS
Geral
Homem morre após queda de laje em construção civil