Menu
Busca quinta, 21 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Política

Após críticas de Reinaldo, MP emite nota

O governador acusou o promotor Marcos Alex de vazar informações sigilosas

15 setembro 2018 - 10h38Da redação

O Ministério Público do Estadual (MPE) rebateu as acusações que o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), fez na sexta-feira (14), durante entrevista ao programa O Povo Na TV, onde acusou o promotor Marcos Alex de vazar informações sigilosas.

Em nota, o MPE disse que atuação dos seus membros é pautada na legalidade, com base em decisões do Poder Judiciário e que visa cumprir a Constituição Federal e as leis vigentes. “Toda e qualquer reclamação contra a conduta de integrante do Ministério Público é submetida à apuração da Corregedoria-Geral tanto no âmbito estadual como na esfera do Conselho Nacional do Ministério Público”, afirmou em nota.

O órgão reiterou que seus membros “respeitam os direitos e garantias de qualquer investigado”, na nota assinada pelo procurador geral do MPE, Paulo Cezar dos Passos. Confira a íntegra da nota:

"O Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul vem a público informar que a atuação dos seus membros é pautada na legalidade, com base em decisões do Poder Judiciário, visando cumprir a Constituição Federal e as leis vigentes.

Toda e qualquer reclamação contra a conduta de integrante do Ministério Público é submetida à apuração da Corregedoria-Geral tanto no âmbito estadual como na esfera do Conselho Nacional do Ministério Público, órgão constitucional de controle externo das atividades do Ministério Público brasileiro, o qual é integrado por membros do Ministério Público da União e dos Estados, da Ordem dos Advogados do Brasil, do Senado Federal, da Câmara dos Deputados, do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça.

O Ministério Público de Mato Grosso do Sul reitera que seus membros respeitam os direitos e garantias de qualquer investigado, buscando apenas o cumprimento de sua função constitucional de defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis".

Paulo Cezar dos Passos

Procurador Geral do Ministério Público de Mato Grosso do Sul.                                                                                                                                             

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Azambuja fala sobre reforma da Previdência no Globo News
Brasil
Para Guedes reforma da Previdência não pode ser menor que R$ 1 trilhão
Política
Vereadores votam quatro projetos na sessão de quinta-feira
Política
No STF, Azambuja discute Lei Kandir e repasses da União para os estados
Política
Bolsonaro entrega reforma da Previdência ao Congresso
Brasil
Suspensão de decreto sobre sigilo de documentos é aprovado pela Câmara
Política
Renato Câmara tem nome indicado para presidir o MDB-MS
Brasil
Nelsinho é o novo coordenador da bancada do MS no Congresso
Brasil
Campos Neto será sabatinado na próxima semana
Política
Orro propõe que leitura nos presídios diminua a pena dos custodiados de MS

Mais Lidas

Polícia
Depois de sair de festa, jovem morre ao capotar veículo no centro
Cidade
Evite ser multado, saiba onde estão os radares nas ruas da capital
Polícia
Dupla em motocicleta atira e acerta rosto de policial, na fronteira
Cidade
Prefeitura convoca aprovados em processo seletivo para merendeiro