Menu
Busca quinta, 02 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Economia

Americanas pede recuperação judicial nos EUA

Empresa está preocupada que ativos fora do Brasil sejam alvos de bloqueios

25 janeiro 2023 - 19h11Pedro Molina

Após ter seu pedido de recuperação judicial aceito no Brasil na semana passada, a Americanas fez nesta quarta-feira (25) o mesmo pedido ao governo dos Estados Unidos. Ação busca proteger ativos da empresa no exterior.

Apesar de ter sua operação principal no Brasil, a empresa recorreu a um instrumento previsto no Capítulo 15 da legislação americana para tentar proteger seus ativos financeiros que estão em instituição no exterior. O pedido foi protocolado em um tribunal de falência de Nova York.

Atualmente, a Americanas tem dívidas que somam mais de R$ 41 bilhões, e o pedido de recuperação judicial nos Estados Unidos surge como uma maneira de impedir que os bancos tomassem valores depositados em contas no país.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Gov Dengue - Jan23 Square

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Seis acertam Sena da Nota Premiada e levam mais de R$16 mil para casa em MS
Economia
Americanas desativa serviço de televendas
Economia
Brasil registrou a criação de 2,037 milhões de empregos em 2022
Economia
Receita paga hoje lote residual de restituição do Imposto de Renda
Economia
Caixa conclui pagamento da parcela de janeiro do Bolsa Família
Economia
Aneel confirma bandeira verde para fevereiro
Economia
Gasolina tem alta nos primeiros 27 dias do ano
Economia
Levantamento estima mais de 23 mil vagas de trabalho em nível técnico em MS
Economia
Beneficiários com NIS de final 9 recebem parcela do Bolsa Família
Política
Entenda propostas de reforma tributária paradas no Congresso

Mais Lidas

Cidade
'Sorrisão doce e largo', amigas lamentam morte de Ana Karolina em acidente
Polícia
JD1TV: Recém-nascido é abandonado em caixa no Aero Rancho
Polícia
Motociclista colide em carreta e morre em Campo Grande
Polícia
"Heroizinho", bombeiros se comovem em resgate de recém-nascido