Menu
Busca domingo, 20 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Economia

Barreira comercial afeta até elevadores na Argentina

17 novembro 2013 - 02h16Via IG as informações são do jornal O Estado de S. Paulo
As barreiras contra as importações aplicadas pelo governo da presidente Cristina Kirchner estão colocando em crise o setor nacional de elevadores. Segundo a Federação de Associações e Câmaras de Elevadores da Argentina (Facara), "desde 2012 as barreiras atingiram o setor de forma gradual".

"Atualmente essas empresas estão numa situação crítica, já que não entram os insumos que são indispensáveis para a fabricação e manutenção dos equipamentos por parte das empresas nacionais."

As empresas de pequeno e médio porte nacionais, que empregam 15 mil pessoas, dominam 85% do mercado argentino de elevadores.

Em 2011, um ano antes das primeiras barreiras do governo Kirchner contra as importações de insumos do setor, as empresas instalaram 4.500 elevadores. Em 2012, por causa das restrições alfandegárias – e da redução da atividade da construção civil derivada das restrições sobre o dólar –, as indústrias de elevadores começaram a registrar uma queda de sua atividade. As previsões do setor, para 2013, é que o total de elevadores instalados não passe de 3.500 em todo o país.

As barreiras aplicadas pelo secretário de Comércio Interior, Guillermo Moreno, provocaram uma crescente escassez de componentes eletrônicos e guias para elevadores no país, que tem atualmente 200 mil elevadores em funcionamento. Um de cada quatro argentinos usa os elevadores como meio de transporte todos os dias.

A Câmara de Importadores da Argentina (Cira) alertou para os problemas no setor de saúde causados pelas barreiras para a entrada de equipamentos e insumos importados. As barreiras são aplicadas pelo governo em nome da "defesa da produção nacional". No entanto, esses insumos praticamente não têm similares fabricados na Argentina.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Nascidos em julho recebem auxílio hoje e poderão sacar em outubro
Economia
Brasil e Paraguai assinam acordo para reabrir a fronteira
Economia
Pagamentos do Ciclo 1 do auxílio emergencial estão concluídos
Economia
Sidrolândia ganha unidade produtora de leitões que vai gerar 100 empregos
Economia
Caixa paga auxílio para 3,9 mi de beneficiários hoje; veja quem recebe
Economia
Comércio na fronteira terá liberação "meia boca"
Economia
Caixa paga abono salarial nesta segunda; veja quem recebe
Economia
FGTS: Caixa deposita hoje para trabalhadores nascidos em novembro
Economia
Economista aponta três fatores para aumento no preço dos alimentos
Economia
Veja quem recebe o auxílio emergencial nesta sexta

Mais Lidas

Geral
MS aumenta rigor e autuações contra queimadas já superam ano de 2019
Polícia
Queda de árvore queimada em rodovia causa acidente que deixa 12 mortos
Clima
Chuva foi pequena, mas ocorreu em 21 municípios de MS
Vídeos
AO VIVO: Acompanhe a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS