Menu
Menu
Busca quinta, 13 de junho de 2024
Prefeitura Refis Junho24
Economia

Câmara aprova taxação de compras até 50 dólares

Aprovação final agora depende do Senado

29 maio 2024 - 15h52Pedro Molina     atualizado em 29/05/2024 às 16h02

A Câmara dos Deputados aprovou, nessa terça-feira (28), o texto-base do Programa Mobilidade Verde e Inovação (Mover), que também põe fim a isenção para compras internacionais de até US$ 50, que passarão a ser taxadas em 20%. A votação foi feita de forma simbólica pelos deputados, sem o registro de votos individuais, como uma forma de os parlamentares não se comprometerem com um tema polêmico.

O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), afirmou, logo após a votação, que a taxação de 20% nessa modalidade de compra foi "o possível para este momento". "É para que a gente tenha uma situação mais ou menos de equilíbrio de competitividade nacional sobre todos os aspectos, o que manterá a qualidade e quantidade de empregos que ajudará nessa performance nacional", afirmou.

"A gente sempre costuma noticiar da maneira mais depreciativa e negativa possível. Não estamos a taxar nada além do que é previsto numa regulação. O que foi trazido pelo Congresso e costurado um acordo durante todos esses dias é a luta para uma regulamentação justa para todos os setores de varejo, indústrias nacionais, manutenção do emprego do brasileiro, que passa por essa necessidade", reforçou o presidente da Câmara.

Inicialmente, o relator do projeto, deputado Átila Lira (PP-PI), queria que a taxação em compras de até US$ 50 ficasse em 60%, porcentagem já praticada em compras acima desse valor, mas após negociações entre a Câmara, o Planalto e o Ministério da Fazenda, se chegou na taxação atual.

O texto agora segue para análise do Senado, que deve votá-lo ainda nesta quarta-feira (29).

 

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp e fique por dentro dos acontecimentos também pelo nosso grupo, acesse o convite.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet
Política
Simone Tebet vai ao Congresso para debater projeto da LDO de 2025
Dólar fecha a R$ 5,36, maior patamar desde novembro de 2022
Economia
Dólar fecha a R$ 5,36, maior patamar desde novembro de 2022
Com devolução da 'MP do Fim do Mundo', preço do combustível não deve aumentar em MS
Economia
Com devolução da 'MP do Fim do Mundo', preço do combustível não deve aumentar em MS
TJMS promove conciliação de precatórios e movimenta R$ 1,4 milhão
Justiça
TJMS promove conciliação de precatórios e movimenta R$ 1,4 milhão
Empresários da Capital esperam vender até 30% com o Dia dos Namorados
Economia
Empresários da Capital esperam vender até 30% com o Dia dos Namorados
MP do Pis/Cofins quebra segurança jurídica e "mata" agronegócio
Economia
MP do Pis/Cofins quebra segurança jurídica e "mata" agronegócio
Foto: Sindivarejo
Economia
Dia Livre de Impostos: Lojistas "pagam" por conscientização dos consumidores
Inês Santiago, presidente da FCDL, e Adelaido Vila, presidente da CDL-CG
Economia
'Dia Livre dos Impostos' deve arrecadar até R$ 10 milhões em Campo Grande
Compras na internet podem ficar mais caras com taxação
Economia
Senado aprova taxação de compras internacionais de até US$ 50
Petrobras anuncia redução de 7,6% no preço de venda do querosene de aviação
Economia
Petrobras anuncia redução de 7,6% no preço de venda do querosene de aviação

Mais Lidas

Estátua em homenagem ao cantor João Carreiro
Comportamento
Vai ter estátua! Mesmo com polêmicas, 'Tributo a João Carreiro' acontece nesta quarta
Rua 14 de Julho
Geral
Abre e fecha de Santo Antônio: Confira o que funciona na Capital no feriado
Sexta-feira não será feriadão
Geral
Sexta-feira não será feriadão
Idoso tentou atravessar a pista e morreu atropelado
Polícia
JD1TV AGORA: Idoso morre atropelado ao atravessar fora da faixa na Av. Tamandaré