Menu
Busca sexta, 28 de fevereiro de 2020
(67) 99647-9098
tj ms topo
Economia

Conclusão do “Reviva Centro” vai contribuir para o aumento das vendas, diz CDL

Adelaido Vila acredita que impactos negativos serão minimizados com a entrega da obra

05 setembro 2019 - 12h34Rauster Campitelli

Apesar dos problemas enfrentados pelos comerciantes da área central há mais de um ano devido às obras do “Reviva  Centro”, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campo Grande (CDL), Adelaido Vila, acredita que o sacrifício vai valer a pena, pois contribuirá para o aumento das vendas nos próximos meses. “O público campo-grandense deve ir ao centro no final de ano, até por curiosidade, para saber como ficou [a reforma]. A expectativa é a melhor possível. Com a entrega da obra, logicamente todos os impactos serão minimizados”.

Segundo Vila, algumas demandas ainda estão sendo discutidas com a prefeitura. A chegada dos clientes ao centro é uma delas. “O transporte coletivo precisa ser melhorado, e a iniciativa privada não vai investir em estacionamento enquanto não perceber que terá um retorno. Estamos finalizando com a prefeitura a possibilidade da transformação daquela orla ferroviária, onde ficam os vagões, em um ponto de estacionamento alternativo”, comenta.

“A grande preocupação é como esse cliente chega ao centro e permanece por lá. O campo-grandense tem uma necessidade do carro, até por causa das falhas do transporte coletivo. Os projetos hoje, infelizmente, não contemplam essa questão dos veículos, e isso é um absurdo”, frisa o presidente da CDL, acrescentando que a revitalização do centro anima empresários a investirem na região.

“Nós estamos vendo um movimento muito significativo de pessoas empreendendo, voltando para o centro. Mas o que vai determinar realmente o renascimento desse local é a ocupação através de moradias. O incentivo à moradia no centro é um detalhe extremamente importante”, lembra Vila.

Ele cita que a criação de uma espécie de Prodes (Programa de Incentivos para Desenvolvimento Econômico e Social) para o centro, fará com que a ocupação aconteça de forma mais intensa, devido aos benefícios. “Isso seria fantástico, porque no centro nós temos um aparato que fica totalmente inutilizado no período da noite”.

Ideia de promoção que começou nesta quinta é desovar estoques e servir de termômetro

A partir desta quinta-feira (5) começa o Promocentro, campanha que abrange mais de 300 lojas oferecendo até 50% de desconto em alguns produtos. Grandes redes como Casas Bahia e Magazine Luiza, lojas de varejos, roupas e calçados estão entre as opções para economizar na hora da compra.

“É uma mega promoção na área central. Nós estamos tendo um direcionamento nacional de transformar setembro em um mês também comercial, fazendo aquilo que nós sabemos fazer: que é vender, e vender com muito desconto. A ideia é complementar o calendário, uma vez que em setembro nós não tínhamos nenhuma data promocional”. Segundo Vila, algumas lojas informaram que oferecerão descontos de até 70% em determinados produtos.  

“A promoção já é um ensaio para as vendas de fim de ano e também para fortalecer, desovar o estoque e criar uma percepção, um termômetro do que nós podemos esperar para dezembro. O lojista precisa qualificar pessoas para o emprego temporário, que nós torcemos que se torne permanente, porque quanto mais gente empregada, melhora o consumo”.

Jacarezão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Coronavírus muda sistema de negócios no comércio exterior
Economia
MS ocupa 3° lugar em ranking de Estados que mais investem, aponta Ipea
Economia
Bancos passam a cobrar dólar do dia da compra com cartão
Economia
Carnaval deve movimentar R$ 8 bi na economia por causa do turismo
Economia
Mega-Sena acumula e próximo sorteio é de R$ 200 mi
Economia
Dolár bate recorde histórico de cotação e chega a R$ 4,40
Economia
Arrecadação de impostos de R$ 174,9 bi é recorde para mês de janeiro
Economia
Inflação no comércio em fevereiro é a menor em 26 anos
Economia
Dólar alivia e apresenta queda singela na última semana
Economia
Receita inicia nesta semana a restituição do lote residual do IRPF

Mais Lidas

Cidade
Estacionamento do Shopping Campo Grande é autuado por irregularidades
Geral
Vídeo - Professor cai no chão após tentar dar aula bêbado
Geral
Governo pagará salários de servidores no sábado
Esportes
Águia Negra se mantém líder no campeonato sul-mato-grossense