Menu
Menu
Busca quarta, 24 de abril de 2024
TJMS Abril24
Economia

Depois de 10 anos pedágio na ponte sobre o rio Paraguai é reajustado

02 abril 2011 - 11h24
Campo Grande (MS) – A partir do dia 11 deste mês de abril, haverá alteração os valores cobrados como pedágio para travessia da ponte de concreto sobre o rio Paraguai, no trecho da BR 262 entre os municípios de Miranda e Corumbá, tendo em vista que os valores que estão em vigor foram fixados em 2001, não sofreram reajuste desde então. De acordo com o secretário de Obras Wilson Cabral Tavares, “o reajuste se faz necessário, uma vez que, ao longo desses anos, ocorreram altas significativas nos custos operacionais para a manutenção da ponte gerando dispêndio de difícil suporte”. O pedágio, em questão, é cobrado dos condutores ou proprietários de quaisquer espécies de veículos automotores, que utilizam a ponte de concreto como meio de ultrapassagem do Rio Paraguai, ficando isentos da cobrança os condutores de veículos automotores de propriedade da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, inclusive de suas autarquias e fundações, bem como dos veículos pertencentes aos governos de outros países e destinados às suas representações diplomáticas, de acordo com o artigo terceiro da Lei estadual nº 1.480, de 4 de fevereiro de 1994. Conforme fixa a resolução SEOP/ nº 001 de 31 de março findo, a partir de 11 de abril, o valor do pedágio para motocicletas passará a R$ 3,30. Veículos leves tais como automóveis, caminhonetes, furgões, reboques de dois eixos e similares pagarão R$ 5,50 enquanto caminhões e ônibus com rodado duplo de até 3 eixos terão pedágio de R$ 11,00 e veículos pesados (caminhões e ônibus com mais de 3 eixos) pagarão R$ 22,00. Fonte: Notícias MS

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Header
Economia
Pela 10ª vez, Mercado eleva projeção do PIB que deve ficar acima de 2% em 2024
Beneficiários de NIS final 6 recebem parcela do Bolsa Família nesta quarta
Economia
Beneficiários de NIS final 6 recebem parcela do Bolsa Família nesta quarta
Receita Federal
Economia
Receita Federal abre consulta a novo lote residual do IR
Novo Bolsa Família
Economia
Beneficiários de NIS final 5 recebem parcela do Bolsa Família nesta terça
Falta de investimento põe em risco funcionamento do Pix, diz Campos Neto
Economia
Falta de investimento põe em risco funcionamento do Pix, diz Campos Neto
Agência do INSS
Economia
Beneficiários do INSS começam a receber o 13º a partir desta quarta
Novo Bolsa Família
Economia
Beneficiários de NIS final 4 recebem parcela do Bolsa Família nesta segunda
Lula e Arata Ichinose
Economia
Honda anuncia investimento de R$ 4 bilhões no interior de São Paulo
Rendimento domiciliar do brasileiro chegou a R$ 1.848 em 2023
Economia
Rendimento domiciliar do brasileiro chegou a R$ 1.848 em 2023
Novo Bolsa Família
Economia
Beneficiários de NIS final 3 recebem parcela do Bolsa Família nesta sexta

Mais Lidas

AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Polícia
AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Capitão Leonardo Mense partiu durante a noite de sábado (21)
Polícia
'Imenso legado': Capitão Mense é homenageado por autoridades e instituições de MS
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Justiça
MPMS investiga fraude em concurso da prefeitura de Sonora e recomenda suspensão
"Eu não tenho dúvida que o Beto Pereira terá capacidade, se eleito for, de fazer as grandes transformações e reformas que Campo Grande precisa", enfatiza ex-governador.
Política
JD1TV: Reinaldo diz que problemas locais "pesarão mais" que Bolsonaro