Menu
Busca sábado, 31 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Sebrae - Bonito
Economia

Estados iniciam segunda fase de vacinação contra aftosa

01 novembro 2011 - 09h49Divulgação

Dezenove estados começam hoje (1º) a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Febre Aftosa. Roraima, Rondônia e o Amapá já começaram a imunização de seus rebanhos em outubro e Pernambuco, o Piauí, Maranhão e Pará, com alterações no calendário de vacinação, aplicarão as doses a partir do próximo dia 14.

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, serão vacinados nessa etapa cerca de 160 milhões de bovinos e bubalinos. Enquanto a maioria dos estados vacinará os animais de todas as idades, a Bahia, Goiás, Minas Gerais, o Rio Grande do Sul, Tocantins e o Distrito Federal devem imunizar apenas os animais com menos de 24 meses de vida.

Santa Catarina não participa da campanha porque é o único estado brasileiro reconhecido como zona livre de aftosa sem necessidade de vacinação. O rebanho da área livre de aftosa com vacinação, de acordo com o ministério, é formado aproximadamente por 205 milhões de animais, e 97,4% deles foram vacinados em 2010, índice que a pasta pretende ver superado este ano.

A mudança da data de vacinação no Piauí, Maranhão, Pará e em Pernambuco faz parte dos preparativos para o levantamento soroepidemiológico. O estudo vai ser feito com o objetivo de obter, da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), o reconhecimento como zona livre de aftosa com vacinação.

O Ministério da Agricultura informou que a meta do governo é tornar todo o território nacional livre de aftosa com vacinação até 2013. A última data estipulada, ainda no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, era o fim de 2010, mas a fragilidade do controle de vacinação nos países vizinhos e, recentemente, a detecção de um foco da doença no interior do Paraguai, em setembro, levaram o cronograma a ser redefinido.

Para tentar solucionar os problemas gerados com o não reconhecimento internacional de todo o país como livre de aftosa com vacinação, como barreiras comerciais às exportações de carnes, o Brasil tenta aumentar o intercâmbio de informações sobre defesa sanitária com os países vizinhos. Além de disponibilizar técnicos federais para auxiliar na imunização, o governo também tem doado vacinas para países como a Bolívia.

Novas normas em MS

O Diário Oficial do Estado (DOE) da última quinta-feira (27) trouxe publicação da portaria nº 2.401 da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal de Mato Grosso do Sul (Iagro) que determina e orienta procedimentos com relação à vacinação contra febre aftosa e seu registro em Mato Grosso do Sul, a partir da etapa de novembro de 2011.

De acordo com a portaria, após a vacinação contra a febre aftosa dos animais criados em pastagens da região do planalto e da região de fronteira, o registro da vacinação deverá observar os prazos legais e deverá ser feito pela internet, através do site www2.iagro.ms.gov.br .

Os produtores deverão obter a senha de acesso junto aos escritórios da Iagro, apresentando os documentos de identificação e do CPF/ CNPJ, do produtor ou do seu representante legal. O não cumprimento das normas estabelecidas pela portaria implicará na aplicação das sanções previstas na lei.

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Licenciamento de veículos com placas final zero vence nesta sexta-feira
Economia
Caixa paga 1° parcela do ciclo 4 do auxílio extensão
Economia
Dólar perde força ao longo do dia, mas fecha em alta novamente
Economia
Servidores escolherão data para 13º
Economia
Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 52 milhões no sábado
Economia
Economia terá R$ 208 milhões com o pagamento do 13° salário
Economia
Dólar avança à espera de decisão sobre juros do Banco Central
Economia
Foi publicada no Diário Oficial da União a redução de impostos sobre videogames
Economia
Petrobras reduz preços de combustíveis nas refinarias
Economia
Caixa libera último saque do ciclo 2 do auxílio emergencial

Mais Lidas

Política
Veja como ficam apenas os votos válidos na pesquisa Ibope
Geral
Ibope mostra Marquinhos com 46% dos votos
Cidade
Gatti assume secretaria de governo
Cidade
Jovem deixa carta de suicídio e se despede no Facebook