Menu
Busca sábado, 18 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Economia

Feriadão arrasta turistas para compras na fronteira

09 outubro 2010 - 10h51
Feriados prolongados são uma grande oportunidade para quem compra produtos importados no exterior. O dólar na casa de R$ 1,667 está no patamar mais baixo dos últimos dois anos. Com isso, Paraguai e Bolívia tornam-se destinos certos para aquisição de produtos eletrônicos, bebidas e vestuário. Mas é preciso estar atento às novas regras da Receita Federal para a entrada de bens no país. Ao retornar, o turista não pagará imposto sobre os bens trazidos na bagagem para uso pessoal. Roupas, sapatos, produtos de higiene e de beleza não são contabilizados na cota limite - US$ 500 (por via aérea) ou US$ 300 (por via terrestre). Até 12 litros de bebida alcoólica podem ser trazidos pelo consumidor. Para os cigarros, o limite é de dez caixas. Em geral, bens diversos ficam limitados a três unidades idênticas por viajante. Denilson Gonzaga, que coordena grupos em viagens ao exterior, diz que fazer compras na Bolívia não está compensando para os turistas. “Ficou complicado, porque agora estão limitando a cota para apenas dez itens, independente do tipo. No Paraguai, dá para trazer até cinco itens de cada tipo, até o limite de US$ 300”, afirma. Em períodos de feriadão, a maioria dos turistas prefere visitar as cidades estrangeiras, como Pedro Juan Caballero (Paraguai) e Puerto Quijarro (Bolívia). Mas o lado brasileiro também oferece atrativos e se beneficia com o turismo de compras. O diretor da Associação Comercial de Ponta Porã, João Augusto Biolchi, explica que o comércio local tem alternativas variadas para quem quer conhecer a cidade. “Temos bares, restaurantes e hotéis para que o turista se sinta à vontade e também consuma no Brasil”, afirma. Fonte: Midia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Campo Grande é campeã em novas empresas em 2019
Economia
Dólar sobe mais uma vez e fecha o dia a R$ 4,19
Economia
Refis segue até março com superdescontos
Economia
PIS pode ser sacado nesta quinta para nascidos em janeiro e fevereiro
Economia
Brasil está se adequando para ser membro pleno da OCDE, diz Bolsonaro
Economia
Receita paga restituições do lote residual de janeiro do IRPF nesta quarta
Economia
Políticas Públicas no MS terão investimento de R$ 879 mil
Economia
Nota Premiada tem apoio da Fecomércio
Economia
Em 2019, agronegócio brasileiro exportou US$ 96,8 bi
Economia
Mega-Sena acumula e próximo sorteio pode pagar R$ 14 milhões

Mais Lidas

Saúde
UPA's terão quadro de clínicos gerais completo na manhã deste sábado
Saúde
Narguilé mata mais que acidente de trânsito no Brasil, diz pneumologista
Justiça
Prazo de juiz de garantias pode mudar investigação de Flávio e Lulinha
Clima
Previsão é de chuva na capital com aviso do Inmet de perigo potencial