Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Geral

Anatel aprova consulta para edital de licitação de licenças da Sercomtel

Consulta Pública não significa a caducidade da concessão e das autorizações

05 outubro 2018 - 08h57Da redação com assessoria

Em reunião na quinta-feira (4) em Brasília, o Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou a abertura de consulta pública do Edital de Licitação para Concessão da telefonia fixa local, da autorização de telefonia fixa local e de longa distância nacional e internacional, da telefonia móvel, da banda larga fixa e do uso de radiofrequências nas faixas de 800 MHz e 1,8 GHz pertencentes à Sercomtel. 

A consulta deverá receber contribuições da sociedade por 30 dias após a sua publicação. O relator da consulta pública do edital de caducidade das licenças da Sercomtel, o conselheiro da Anatel Aníbal Diniz, informou que se for decretado o fim da concessão e das autorizações, a Agência deve ter um edital finalizado para os interessados em adquirir as licenças. Para ele, “(a consulta pública) é um passo, porque o processo de caducidade continua correndo. Se lá na frente for decretado a caducidade, tem de ter um edital finalizado”.

O presidente da Anatel, Juarez Quadros, esclareceu que a consulta pública do edital é uma ação dentro do cronograma do processo de caducidade da Sercomtel. “Espero que fique claro que não tem ligação com o processo da caducidade no todo e no seu final, e sim quanto ao cronograma previsto nesse processo”, ressaltou.

Ouvidoria

O Conselho Diretor da Anatel deu ontem as boas vindas ao novo ouvidor da Agência, Thiago Cardoso Henriques Botelho. Ele está substituindo a ouvidora Amélia Rodrigues, que foi homenageada pelos conselheiros da Agência durante a reunião.

A nomeação do novo ouvidor da Anatel foi publicada no dia 27 de setembro de 2018 no Diário Oficial da União. Thiago é servidor da Anatel e presidente da Associação Nacional dos Servidores Efetivos das Agências Reguladoras Federais (Aner). Ele ocupou também o cargo de assessor parlamentar da Agência Nacional do Cinema (Ancine). O Ouvidor é nomeado pelo Presidente da República para mandato de dois anos, admitida uma recondução.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Paulo Corrêa anuncia investimentos para Bataguassu
Geral
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19
Geral
Bolsonaro volta a MS no final do mês
Geral
Ex-diretora do Regional, Rosana Melo assume secretaria do Ministério da Saúde
Geral
Sectur abre inscrições para Curso de Mosaico
Geral
Jovem de 27 anos morre após complicações da Covid-19
Geral
Cultura lamenta morte de Lincoln Gouveia
Geral
Atenção: Licenciamento de veículos com placas 3 e 4 vence neste mês
Geral
Cantor de reggae, Lincoln Gouveia é encontrado morto
Geral
Motorista não vê cavalo solto na pista e atropela animal na MS-134

Mais Lidas

Polícia
Tio engravida sobrinha de 13 anos e tia tenta fazer aborto, mas criança nasce
Geral
Ciclista morre ao ser atropelado voltando do serviço
Geral
Agente penitenciário é mais uma vítima da Covid-19 na capital
Polícia
Pastor preso por estupro de adolescentes, já foi detido por violência doméstica