Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Governo/Dengue
Política

Aprovado por senadores convite para Salles prestar esclarecimentos sobre Pantanal

Um convite para que o ministro preste esclarecimentos sobre as medidas adotadas pelo governo para contenção e prevenção das queimadas

30 setembro 2020 - 17h36Brenda Assis, com informações Estadão Conteúdo

A Comissão do Senado que acompanha os incêndios no Pantanal aprovou nesta quarta-feira, 30, um convite para que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, preste esclarecimentos sobre as medidas adotadas pelo governo para contenção e prevenção das queimadas. A reunião ainda não tem data para acontecer. 

O requerimento foi apresentado pela senadora Soraya Thronicke (PSL-MS). No pedido, ela afirma que o ministro também poderá apresentar "subsídios acerca da adequação da legislação atual que rege as políticas de proteção da flora e fauna da região, de modo a identificar o real anseio do povo pantaneiro." 

Na semana passada, o colegiado aprovou convite para que Salles participe de uma viagem ao Mato Grosso do Sul no próximo sábado, 3. Segundo a senadora Simone Tebet (MDB-MS), o ministro já confirmou presença na visita. O vice-presidente, Hamilton Mourão, e os ministros Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Tereza Cristina (Agricultura) também foram convidados.

Nesta manhã, Salles reagiu à promessa do candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, de enviar US$ 20 bilhões ao Brasil para combater o desmatamento. Pelas redes sociais, Salles questionou se o valor seria pago anualmente. "Só uma pergunta: a ajuda dos US$ 20 bilhões do Biden, é por ano?", escreveu

A promessa foi feita ontem durante primeiro debate eleitoral do democrata contra o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Biden afirmou que, se eleito, se juntaria a países aliados para oferecer recursos para o Brasil interromper o desmatamento de florestas tropicais. Salles afirmou que o valor informado por Biden é quase 40 vezes maior que o Fundo Amazônia

Audiência com Aras -  Os senadores também aprovaram requerimento para que o procurador-geral da República, Augusto Aras, e procuradores de Justiça de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul participem de audiência pública na comissão. A reunião foi proposta pelo presidente do colegiado, senador Wellington Fagundes (PL-MT).

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Pesquisa mostra terceira via em Corumbá
Política
VÍDEO: Candidato a vereador em MS é assaltado durante live
Política
Eleições 2020: Marquinhos fará entrevista ao vivo no JD1 às 17h
Política
Senador flagrado com dinheiro nas nádegas pede licença por 90 dias
Política
AO VIVO: O que Guto Scarpanti quer fazer por Campo Grande?
Política
Simone Tebet garante amplo debate na sabatina de indicado ao STF
Política
Justiça Eleitoral muda locais de votação na capital; confira
Política
Confira a agenda de compromissos dos candidatos nesta terça
Política
Ibope - Gestão de Marquinhos tem 52% de aprovação e 16% de rejeição
Política
Projeto do marco legal das startups é encaminhado ao Congresso

Mais Lidas

Cidade
Neste "finde" Sesau terá posto de vacinação no shopping Norte Sul
Economia
Procon Estadual tem atendimento especializado para superendividados
Brasil
Senador que morreu de coronavírus minimizava a doença
Educação
Governo faz regulamento para renegociação de dívidas com o Fies