Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Política

Dos 594 parlamentares federais, Azambuja está entre os 16 que divulgam seus gastos na internet

10 dezembro 2011 - 08h39Divulgação

Uma pesquisa realizada pela Agência Medialogue Digital revelou em meio ao um amplo levantamento que apenas 3% dos parlamentares federais (senadores e deputados) divulgam em suas paginas da internet os gastos realizados através de seus gabinetes a fim de darem suporte ao seu mandato.

Na seleta lista aparece o deputado sul-mato-grossense, Reinaldo Azambuja (PSDB), que através de um link direto com a Câmara Federal coloca a disposição em seu site todos os seus gastos mensais, com possibilidade ainda do detalhamento por empresa, e data.

"Prestar contas a população é uma obrigação. Sempre fomos transparentes nas nossas ações e com as ferramentas oferecidas pela internet fazemos isso de forma simples e direta". Comentou o parlamentar que é destacado no relatório pelo dinamismo das ações de divulgação do seu mandato e grande aproveitamento dos mecanismos oferecidos pela rede.

"Faltam saúde, educação, estradas (...) sobram problemas e escândalos de corrupção. Ser transparente no trato com a coisa publica é sinal de respeito com quem nos honrou com o voto". Afirma Azambuja que é um dos deputados que encabeça a proposta de instalação da CPI da Corrupção no Congresso e pede mais transparência nas ações do Governo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
JD1TV: Em evento nacional, Marquinhos fala em gratidão ao PSD
Política
Governo cria grupo para analisar adição de biodiesel ao óleo diesel
Política
CPI aprova pedido de retratação de presidente Bolsonaro por live
Política
Aos 73 anos morre ex-prefeito de Miranda, Ivan Bossay
Política
Reinaldo e Riedel veem como "natural" lançamento de Marquinhos
Política
JD1TV: Bolsonaro lembra ligação com Coronel David e elogia o DOF
Política
Kassab lança Marquinhos ao governo
Política
Marquinhos tem sua maior aprovação em cinco anos
Política
Bolsonaro diz ter “total confiança” em Guedes e afirma que o ministro irá continuar
Política
Acesso livre à internet em órgãos públicos municipais agora é lei

Mais Lidas

Brasil
Crianças de 2 e 4 anos morrem carbonizadas; irmão de 16 anos assumiu o crime
Polícia
Homem de 31 anos morre após se engasgar com pedaço de carne
Saúde
“Aqui não é lanchonete”, diz médica a paciente em hospital da Capital
Brasil
Crime manda baixar gasolina