Menu
Busca sexta, 22 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Política

Nelsinho fala de planos de 500 milhões e diz que maior frustração foi perder sede da Copa

22 dezembro 2010 - 11h39João Garrigó
Em entrevista coletiva na manhã de hoje para um balanço sobre o ano, o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) estabeleceu como meta deste mandato conquistar mais R$ 500 milhões junto ao governo federal para obras, principalmente as do PAC 2. Depois de acompanhar em Brasília a diplomação da presidente eleita Dilma Roussef (PT), Nelsinho diz que voltou confiante no “excelente relacionamento com o governo federal”. Essa parceria, segundo ele, já rendeu R$ 600 milhões em investimentos nos últimos sete anos. Em conversa com a presidente, o prefeito diz ter ouvido textualmente de Dilma: “Não vou esquecer o que você fez por mim e vou saber retribuir isso”, sobre o apoio dado à ela durante a campanha eleitoral. Nelsinho foi, dentro do PMDB, o maior “cabo-eleitoral” da petista em Campo Grande. Frustração - Sobre a política, Nelsinho revelou que a maior frustração dele até agora foi perder a disputa para Cuiabá em busca da Copa do Mundo. Ele lembra que a competição levará muitas obras para o Mato Grosso, o que pode tirar operários da Construção Civil de Campo Grande. Essa possibilidade preocupa , pela falta desse tipo de mão-de-obra na Capital. Para segurar os trabalhadores aqui, Nelsinho garante que não faltará obra e avisa sobre outra desvantagem: “lá é muito quente”. O prefeito afirma que a prioridade é terminar o segundo mandato no município, mas questionado se depois deve disputar o governo, Nelsinho desconversou e apenas citou uma frase recente do presidente Lula: “Estou vivo”. Fonte: CG News
Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Acesso livre à internet em órgãos públicos municipais agora é lei
Política
Bolsonaro diz ter “total confiança” em Guedes e afirma que o ministro irá continuar
Política
Saúde e segurança da Capital prontos para possível vendaval
Política
Pesquisa mostra intenção de votos e rejeição para eleição suplementar em Bandeirantes
Política
Simone e Fábio recebem prêmio em Brasília
Política
Quebra do teto de gastos faz equipe de Paulo Guedes se demitir
Política
Projeto destina 10% de vagas no Sine para mulher vítima de violência
Política
Ministro anuncia novo Bolsa Família de R$ 400 a partir do próximo mês
Política
Veja a lista dos indiciados pela CPI da Pandemia
Política
MS terá CNH social

Mais Lidas

Polícia
Homem pula o muro e flagra a ex-mulher com outro e transtornado agride ela e tranca os dois
Brasil
Vídeo: Homem se desespera ao ver que racha com os amigos acabou em morte
Geral
Com oito filhos, mãe anuncia gravidez de gêmeos e dispara: 'queremos mais'
Geral
Pastor embolsa R$ 30 milhões da Igreja Universal e foge