Menu
Busca segunda, 27 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Turismo

Ministro se entusiasma com projeto político

25 maio 2011 - 10h55Rachid Waqued

O início oficial das obras do Aquário do Pantanal – empreendimento que vai aliar turismo, educação e pesquisa – trouxe à Capital dois ministros e um representante ministerial para participarem, ao lado do governador, da assinatura da ordem de serviço. Ideli Salvatti (Pesca e Aquicultura) e Pedro Novais (Turismo) enalteceram o que chamaram de “ousadia” do governador André Puccinelli.

“Vossa excelência está fazendo um marco para a história deste estado e deste país, porque esse é um empreendimento de valor histórico, científico, cultural, educacional e turístico, que estará para sempre como um cartão-postal da cidade”, elogiou Novaes. O ministro mostrou entusiasmo com a abrangência do projeto, e especialmente com o impacto que terá como equipamento turístico. “O aquário tem muito a ver com a cultura e o meio ambiente, mas acho que o que mais vai aproveitar é o turismo, com as pessoas do Brasil e do mundo que virão visitá-lo, com certeza”.

Novais destacou que o governo brasileiro está empenhado para fazer da Copa de 2014 um sucesso, “não apenas dentro de campo, mas no Brasil todo, na forma de receber bem os visitantes e de mostrar o Brasil para o mundo”, e apontou o Aquário como um elemento que “vai contribuir para o engrandecimento” do espetáculo. “Parabéns governador, por esta ousadia”.

O valor do Centro de Estudos e Pesquisa da Ictiofauna Pantaneira - nome oficial do Aquário do Pantanal - como atração de mais visitantes também empolga o empresariado. Dezenas de representantes do setor de turismo acompanharam com entusiasmo a assinatura da autorização de início da obra, na noite desta segunda-feira (23).

“É um presente para todo o trade, um projeto fantástico, que vai mudar o turismo em Mato Grosso do Sul, até no aspecto geográfico, porque vai tornar Campo Grande um atrativo”, disse o presidente do Fórum Estadual de Turismo, Alex Furtado. A organização reúne centenas de entidades e empresas que atuam em qualquer segmento ligado ao turismo, desde bancos, Sistema S, conselhos municipais de turismo, associações de bares e hotéis, entre muitas outras.

Diretor também da maior operadora de turismo no estado, Furtado revela que essas empresas já começam a preparar a operacionalização da entrada do aquário nos pacotes vendidos. Previsto para ser inaugurado em outubro de 2013, o empreendimento já está nos planos para grandes vendas do ano seguinte.

“Já estamos começando a promover pacotes com mais dias de estadia em Campo Grande, inclusive para a Copa do Mundo. E é interessante porque, enquanto as cidades-sede estarão lotadas por conta dos jogos, aqui vamos ter como trazer o visitante. Há voos entre Cuiabá em Campo Grande, por exemplo, ao custo de noventa reais”, cita o empresário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Turismo
Ministro pede abertura de capital estrangeiro para companhias aéreas
Turismo
Ministro quer reduzir preço de passagens aéreas

Mais Lidas

Fim de Semana
Gasolina será vendida a R$ 2,50 em dois postos da capital neste sábado
Geral
Vídeo - Motorista chega empurrando o carro para abastecer a R$ 2,50
Polícia
Jovem é morto a machadadas por ex-cunhado na capital
Polícia
Motociclista tenta ultrapassagem e colide com ônibus na capital