Menu
Busca domingo, 22 de maio de 2022
(67) 99647-9098
Tjms Maio22
Cidade

Ao postar teste de covid em redes sociais, internautas divulgam dados pessoais na web

O alerta é para que os dados não sejam usados indevidamente

17 janeiro 2022 - 12h05Rosana Lemes

A Prefeitura de Campo Grande alertou a população para não expor o CPF em redes sociais ao mostrar o resultado do teste de Covid-19 e o comprovante da vacinação.

O alerta é claro para a não exposição de dados na web, tendo em vista que nos últimos dias grande parte das pessoas estão dividindo com os seguidores os resultados de testes e comprovantes de vacina.

A exposição de dados pessoais pode causar diversos problemas. Entre eles o uso do CPF para obtenção de crédito e cadastros em aplicativos, por exemplo.

Segundo o superintende do Procon-MS, Marcelo Salomão não irregularidades do ponto de vista legal a divulgação de dados, mas aconselha a não fazer. “Não é preciso divulgar seus dados, no mundo de hoje é importante o consumidor cuidar de suas informações pessoais para não ter problemas”.

Energisa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Estação Mais Emprego teve 504 aprovados nas entrevistas
Cidade
JD1TV: Estudante vê carro pegar fogo antes de concurso da Agraer
Cidade
Campanha do Agasalho sorteará violão do Luan Santana para incentivar doações
Cidade
Prefeitura realiza ação com 70 serviços neste sábado no Jardim Carioca
Cidade
Adriane lança "pacote" para saúde
Cidade
Edredons têm variação maior que R$ 800 em comércio da Capital
Cidade
Após 7 meses em obra, Obelisco será reinaugurado nesta sexta-feira
Cidade
UPA Vila Almeida e duas unidades de saúde passarão por reforma na Capital
Cidade
Tempestade deixou mais de 40 bairros da Capital sem luz
Cidade
Paulo Ricardo comete gafe ao citar Campo Grande em MT, não em MS

Mais Lidas

Polícia
Assassinato de jovem no Aero Rancho pode ter sido motivado por vingança
Polícia
JD1TV: Jovem de 21 anos é morto a tiros no Aero Rancho
Geral
O drama de Delinha
Polícia
Motociclista que morreu após acidente na Joaquim Murtinho não tinha CNH