Menu
Busca quinta, 28 de maio de 2020
(67) 99647-9098
Cidade

Com mais investimentos criminalidade em MS cai 16%

De acordo com o secertário de Segurança, o resultado é o refelxo de um trabalho intenso

25 junho 2019 - 15h39Mauro Silva, com informações da assessoria

Números de crimes têm redução de 16,78% em Mato Grosso do Sul no período de janeiro a maio deste ano. A queda é um reflexo dos grandes investimentos que o governo do estado vem realizando ao longo da atual administração, além da atuação das forças de segurança pública.

A maior diminuição, de 50%, ocorreu em roubos seguidos de mortes, passando de 10 casos para apenas 5 neste ano. Roubos em estabelecimentos comerciais e de veículos também tiveram quedas expressivas de, respectivamente, 38% e 28%. Todos os crimes sofreram redução na relação que leva em conta o número de habitantes.

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, explicou que o resultado é fruto de um trabalho intenso de combate ao chamado tráfico “doméstico”, aquele cometido dentro do Estado, do uso da inteligência para ampliar as ações onde os índices de crimes eram mais elevados e da diminuição de presos nas delegacias, liberando policiais civis para a repreensão e investigação.

“Na faixa de fronteira, dos 12 crimes, 11 tiveram redução de dois dígitos. Na Capital também. Essa queda pode ser verificada tanto nos crimes contra a vida como nos contra o patrimônio. Isso se deve ao enfrentamento do tráfico doméstico, às ações de investigação, à redução de mais de 50% do número de presos nas delegacias, às inúmeras operações e aos investimentos do MS Mais Seguro”, afirmou.

Outras quedas registradas acima de 20% foram de roubo em via pública (-26,8%), roubo (-26,5%), roubo em residência (-20,7%) e homicídio doloso (-20,2%). Furtos em residências e de veículo tiveram retração, respectivamente, de 17,6% e 16,6%. Os dados são do Núcleo de Estatística e Análise Criminal da Superintendência de Inteligência em Segurança Pública (Sisp).

Em 10 municípios de Mato Grosso do Sul, todos os 12 tipos de crimes sofreram queda. Foi o que aconteceu na capital, Campo Grande, e na cidade turística de Bonito. Os outros municípios com todos os crimes em queda são: Aral Moreira, Brasilândia, Deodápolis, Figueirão, Jateí, Laguna Caarapã, Maracaju e Sete Quedas.

Campo Grande

Na Capital, os destaques ficaram por conta de roubos seguidos de morte, com diminuição de 83,5%, e de roubos em estabelecimentos comerciais, de 53,9%. O índice de homicídios culposos no trânsito recuou 31,3%; de roubos em residências caiu 28,1%; de homicídios dolosos, 28%; e roubos em via pública, 27,7%. Além disso, todos os tipos de furto tiveram queda acima de 10% em Campo Grande.

Apesar da crise financeira, Mato Grosso do Sul tem feito nos últimos quatro anos e meio, por meio do programa MS Mais Seguro, o maior investimento público em segurança da história do Estado. Foram mais de R$ 134 milhões em armas, equipamentos, videomonitoramento e viaturas para as policiais Militar, Civil e Corpo de Bombeiros Militar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
UFMS estuda revitalizar Autocine
Cidade
Com asfalto e piscinão, recapeamento no Nova Lima entra na reta final
Cidade
Pandemia é o maior problema em MS, mostra pesquisa Ranking
Cidade
Veja os bairros onde o fumacê contra o Aedes Aegypti passará nesta tarde
Cidade
MS teve menos 1.871 crimes nos primeiros quatro meses de 2020
Cidade
Nova Lima começa a receber drenagem para novos 20km de asfalto
Cidade
Barreiras sanitárias da capital terão exames prontos em 10 minutos
Cidade
"Não vamos pagar a folha de julho", diz Pedrossian se ajuda federal demorar
Cidade
Capital terá Refis, sem multa, juros e correção
Cidade
Vídeo - campeonato de pipas gera aglomeração na periferia

Mais Lidas

Geral
Mãe de Neymar reata com modelo e compra flat para ele, diz jornal
Polícia
Homem registra boletim após ter auxílio emergencial sacado por terceiro
Economia
Conta de luz ficará "mais barata" até dezembro
Polícia
Trio quebra lanchonete e funcionária na Gury Marques