Menu
Busca quinta, 27 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
Sebrae - Evento 50 + 50
Cidade

Moradores de bairro reclamam das ruas e falta de limpeza

Na Vila Nossa Senhora das Graças são diversas as reclamações

02 dezembro 2021 - 18h23Taynara Menezes

Moradores da Vila Nossa Senhora das Graças, em Campo Grande, tem enfrentado transtornos com as ruas do bairro pelas más condições e terrenos baldios em torno que, além de se tornar depósito de entulhos, também servem de criador para insetos peçonhentos. 

A rua Youssif Abdulahad é uma das que mais tem reclamações da população, eles alegam que em tempo de chuva a rua fica intransitável e a enxurrada invade as casas ao redor. Uma moradora da região, entrou em contato com a equipe do JD1 para fazer a denúncia, ela conta a dificuldade que enfrentam em dias chuvosos. 

"Tem uma parte da rua que desce muita terra, quando chove o barro dificulta até mesmo a passagem de carros, eles ficam patinando fora que o barro entra nas casas, o portão da minha casa já chegou travar de tanto barro que desceu., calçada não tenho mais porque o barro tomou conta. Então, é uma situação difícil" lamenta. 

Outro problema recorrente que a moradora queixa, são os terrenos baldios da vizinhança, que segundo ela, só é limpado quando há muita insistência das pessoas que moram nas proximidades. Devido a falta de limpeza, o local se torna ponto de descartar entulhos, além do matagal que vai se formando e acaba favorecendo o aparecimento de insetos peçonhentos. 

"Os terrenos são uma bagunça, a limpeza não é regular só quando está em uma situação precária mesmo que tem manutenção pelo dono, ou seja, não tem cuidado. Com isso, aparece insetos peçonhentos nas nossas casas como escorpião, por exemplo. Quando chove a situação só piora" explica. 

O responsável pelos terrenos baldios alegou que a limpeza é feita sempre que é notificado pela Prefeitura, mas, que devido a época de chuva cooperou com o crescimento rápido do matagal. Ele afirmou ainda que já irá providenciar a limpeza dos terrenos quanto antes e que há planos de iniciar construção no local ano que vem. 

Nossa equipe de reportagem acionou a Prefeitura de Campo Grande que, por meio de nota, esclareceu que é realizado, com frequência, vistorias em todos os bairros da Capital e quando há lotes urbanos sujos o proprietário é notificado para realizar a limpeza.

Essa Notificação é enviada e o responsável pelo local tem o prazo de 15 dias úteis para o cumprimento da manutenção. Caso não faça a limpeza o proprietário é sujeito a multa, de acordo com o Código de Polícia Administrativa do Município Lei n. 2909, Artigo 18, que varia entre R$ 2.478,50 e 9.914,00. 

A Prefeitura ainda orienta que em casos como este, a população pode denunciar no Disque Denúncia 156, onde o município efetiva sua reclamação de forma anônima com relação aos terrenos baldios e acompanhar o andamento da mesma.

 

Corumba - vacinação

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Olarte tem seu pedido no TJ negado e continua preso
Cidade
Campo Grande irá contar com uma UPA animal
Cidade
Santa Casa inicia campanha de arrecadação de roupas e calçados masculinos
Cidade
Ouriço é capturado por policiais em quintal de residência na Capital
Cidade
Em combate à dengue, fumacê circula 18 bairros da Capital
Cidade
Prefeitura divulga lista de convocados para entrevistador social
Cidade
Volta às aulas anima setor e leva pais às compras com antecedência na Capital
Cidade
Fumacê contra o Aedes aegypti percorre 16 bairros da Capital
Saúde
Confira os pontos de vacinação para esta terça-feira
Cidade
Carnaval é cancelado ou adiado em 24 capitais e o Distrito Federal, incluindo Campo Grande

Mais Lidas

Polícia
Homem passa mal e morre na casa da mãe
Polícia
Irmãos matam pai a pauladas por acharem que ele matou a mãe deles
Comportamento
Murilo abre mão de bens na divisão do patrimônio de Marília, diz colunista
Polícia
Homem esfaqueado no peito pela esposa no Noroeste morre no hospital