Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo coronavirus 03
Geral

Com 51 vagas em MS, Correios recebem inscrições para estágio até a próxima sexta-feira (17)

14 fevereiro 2012 - 09h47Reprodução

Até a próxima sexta-feira (17), os Correios recebem as inscrições de vagas de estágio e cadastro de reserva para estudantes do ensino médio. Ao todo, são 51 vagas em 24 cidades de Mato Grosso do Sul, sendo 20 somente em Campo Grande.

Quem pode
Podem participar alunos de escolas públicas estaduais com idade mínima de 16 anos. Outro requisito é que o estudante tenha obtido média final igual ou superior a sete nas disciplinas da última série cursada.

Salário
O estagiário receberá bolsa de R$ 285,68, auxílio-transporte de R$ 75,79 e vale alimentação/refeição de R$ 160,91. A jornada de trabalho é de 20 horas semanais.

Inscrição
A ficha de inscrição está disponível no site dos Correios e deverá ser entregue com o histórico escolar (boletim) do ano anteriormente cursado, nos locais onde há vaga disponível. Para mais informações sobre o processo seletivo, acesse o site do programa de estágio (http://www.correios.com.br/institucional/concursos/correios/lst_concurso.cfm?con_nu=457)

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Prefeitura multa Consórcio Guaicurus em R$ 12 milhões
Geral
Carnaval no Rio pode acontecer só em junho
Geral
Governo amplia prazo de redução de jornada e suspensões de contratos
Geral
Orro quer proibir atos públicos para evitar aglomerações
Geral
Aos 27 anos, Adalberto perde a luta contra o coronavírus
Geral
Saque de auxílio emergencial é liberado para beneficiários do 3º lote
Geral
Mãe pede leite, remédio ou dinheiro para salvar bebê com anomalia
Geral
Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho
Geral
Licenciamento de veículos pode ser emitido online
Geral
Blogueira de MS afirma estar com Covid-19 e faz “recebidos” de vitaminas

Mais Lidas

Polícia
Ex-patroa é denunciada por abandono de incapaz que resultou em morte
Saúde
MP solicita inspeção em frigoríficos no interior
Polícia
Comerciante foi morta porque reconheceu voz de ex-funcionário, diz investigação
Política
“Caso de polícia”, diz Fábio sobre fake news de lockdown na capital