Menu
Busca terça, 15 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Geral

Com dois suicídios, enfermagem cobra atitude de conselho

Em publicação de nota de pesar, profissionais comentam valorização e redução de carga horária

25 janeiro 2019 - 16h13Da redação

Ao lamentar a morte do técnico de enfermagem Willian Flavio Correia Santos, 36 anos, encontrado morto nesta manhã, na Santa Casa, o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-MS), profissionais cobram atitude do conselho sobre a valorização da categoria.

Em nota publicada nas redes sociais, o conselho ressalta que este é o segundo caso com suspeita de suicídio envolvendo um profissional da categoria neste ano. No dia 3 de janeiro, a enfermeira Janaina Silva, 39 anos, foi encontrada morta e também com suspeita de suicídio. No dia da morte de Janaina, o conselho publicou que “baixos salários, cargas horárias exaustiva”, são fatos que levam os profissionais a ter tal tipo de crise.

O fato levanta uma indagação entre os profissionais da área que lutam pela valorização da categoria e redução da carga horária, de 40 horas semanais para 30. A redução já é realidade para os profissionais que trabalham para o município, somente no estado ainda não.

O conselho levanta a bandeira da redução da carga horária para os profissionais da categoria, mas chama a atenção o edital para o concurso público do Coren-MS, onde os profissionais terão que cumprir as 40h, como pode ser visto abaixo.

Na publicação de hoje, onde o conselho lamenta a morte de Willian, a reclamação de profissionais para a regulamentação da categoria é quase que unanime. “Coren, cadê nossas resoluções? Vamos por em prática? Até quando coren?”, indagou um internauta.

Ao pedir por reconhecimento e respeito, outro internauta dispara: “Ficamos doentes pela falta de respeito, por salários baixos e pra ter condições melhores temos necessidades de horas extras ou dois empregos”. “Só sabem fazer nota de repúdio fazer algo pela classe nada nem as 30 horas conseguem e segue a música dos profissionais q continuan se matando e ninguém faz nada governantes e conselhos afff só Deus pra ter misericórdia da nossa classe pq o resto totalmente descomprometido”, comentou outra profissional.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Governo manda prefeitos "assumirem seus atos"
Geral
Na bandeira vermelha, nem tudo pode abrir
Cidade
Marquinhos autoriza comércio a operar
Geral
Durante operação, Detran-MS realizou 1.318 testes do bafômetro
Geral
Hemosul tem Arraiá para celebrar "Dia Mundial do Doador de Sangue"
Geral
Gás de cozinha fica mais caro a partir de hoje
Geral
Bradesco, Santander e BB são autuados pelo Procon-MS
Geral
Governo amplia vagas do concurso da Polícia Civil
Geral
AO VIVO: Motorista é preso após tombar caminhão ao lado do Damha
Geral
A partir desta segunda, atendimento na Rede Fácil está suspenso

Mais Lidas

Cidade
Marquinhos autoriza comércio a operar
Geral
AO VIVO: Motorista é preso após tombar caminhão ao lado do Damha
Brasil
Criança morre após ser picada por escorpião
Geral
Governo manda prefeitos "assumirem seus atos"