Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Governo/Dengue
Geral

Empresa cria aplicativo para detectar incêndios e desmatamento

O aplicativo 'Brasil Mais Seguro' já está disponível para moradores de qualquer cidade através do Play Store

29 setembro 2020 - 10h00Sarah Chaves

A empresa Security Care, de Joinville no norte de Santa Catarina, criou um aplicativo para ajudar no combate a queimadas e desmatamento. Eles embarcam essa semana para Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, onde irão oferecer o sistema de graça ao governo local para ajudar nos incêndios na região do Pantanal.

O aplicativo Brasil Mais Seguro já está disponível para moradores de qualquer cidade através do Play Store, quando o usuário acessar, automaticamente o sistema faz o reconhecimento de onde ele está, e caso tenha um incêndio por perto, o sistema mostra e oferece a rota de fuga de acordo com as orientações dos órgãos de segurança.

O Ceo da empresa de tecnologia Security Care, Edivaldo Veiga, explica como o sistema do app vai ajudar as pessoas em situação de perigo. “Através de um painel de controle o aplicativo comunica que todas as pessoas que estiverem no raio da queimada, avisando que ali existe um perigo eminente, para que elas se retirem dali, inclusive com um botão de rota de fuga, e basta o usuário clicar no botão para saber para onde se deslocar e procurar ajuda."

O usuário também pode informar quando encontrar uma queimada, para que sejam tomadas as devidas providências.

A equipe de voluntários da empresa Security Care que se deslocará para o Pantanal trará a tecnologia para ser disponibilizada de forma gratuita às autoridades e comunidade da região com o intuito de ajudar na denúncia e detecção de queimadas e desmatamentos, além de estarem disponíveis com equipe de socorristas e bombeiros voluntários para ajudar com o resgate de animais ou outras necessidades levantadas pelas organizações.

O sistema será oferecido e exibido gratuitamente para o Governo de Mato Grosso do Sul. “No futuro quem pagará pelo app como forma de capitalizar é a Anatel, pois o app terá que ser ativo nos celulares de fábrica, porque quanto mais gente tiver, mais gente será salva”, alegou uma das colaboradoras do grupo de voluntários da empresa.

A conversa com o executivo estadual deve ser para que o governo de Mato Grosso do Sul, ajude a cumprir a fiscalização para que o app exista em todos os celulares, com painel de controle da Defesa Civil que avisa onde tem incêndio, cabendo ao poder público enviar recursos.

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Justiça manda candidata provar que sabe ler
Geral
Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 45 milhões
Geral
'Lua Azul' dos smurfs poderá ser vista em três dias
Geral
Adelaido da CDL tem alta e está livre do coronavírus
Geral
Sofrimento em dobro: Jovem descobre que é "corna" e ainda apanha do namorado
Geral
Procon MS aponta diferença de 662% nos preços das flores para o Dia de Finados
Geral
Ponto facultativo é adiado e agências do INSS abrem normalmente nesta quarta
Geral
Jorge Aragão recebe alta após 12 dias internado com Covid-19
Geral
Ex-atriz pornô faz simpatia de R$ 2 mil para casar com Gusttavo Lima
Geral
Câmara cancela sessão após morte do pai de Salineiro

Mais Lidas

Política
Candidatos participam de debate na Fetems
Cidade
Assembleia homenageia Dudu do Bifão e pai do vereador Salineiro
Justiça
Cinco cidades de MS receberão apoio das Forças Armadas
Geral
Justiça manda candidata provar que sabe ler