Menu
Busca sexta, 07 de maio de 2021
(67) 99647-9098
Sebrae
Geral

Procon de SP diz ter sido procurado por apostador que 'perdeu' Mega da Virada

Suposto vencedor procurou o órgão para conseguir resgatar o montante mesmo depois do prazo de 90 dias previsto pela Caixa

23 abril 2021 - 08h20Gabrielly Gonzalez

Um apostador da Mega-Sena da Virada procurou o Procon-SP na quinta-feira (22) afirmando ser o vencedor do sorteio realizado em 31 de dezembro de 2020 que ainda não havia procurado a Caixa para receber o prêmio de R$ 162,6 milhões. As informações são do jornal Agora.

O órgão afirmou, em nota: "Mesmo que a empresa afirme que o consumidor perdeu o prêmio por não ter retirado dentro do prazo, é dever da instituição fazer o pagamento”.

Pelo regulamento da Caixa, após 90 dias, o indivíduo não pode mais resgatar o prêmio, e o dinheiro é repassado ao Fundo de Financiamento do Ensino Superior (Fies).

Em março, quando foi notificado pela primeira vez pelo Procon, o banco afirmou que "a obrigação de reclamar o prêmio é do vencedor" e "que o cadastro efetuado no ambiente virtual não tem a finalidade de fazer a identificação, mas de verificar a qualificação do interessado como apostador".

"A Caixa tem como identificar quem é o ganhador. E queremos apurar se esse consumidor que nos procurou é efetivamente quem venceu o sorteio", afirmou Fernando Capez, diretor executivo do Procon-SP em um comunicado à imprensa. Capez disse que "é inconcebível que a Caixa saiba quem é o vencedor e não o comunique". 

O Procon-SP afirma que a lei do prazo de 90 dias é antiga e está defasada, uma vez que não leva em conta fatores como a internet e as apostas eletrônicas, que "trouxeram a possibilidade de identificar o vencedor", segundo a entidade. 

Por fim, o Procon-SP sugere uma alteração nas regras para futuras apostas e conclui que "a Caixa Econômica Federal não pode se basear em um decreto-lei de 1967". "Se a Caixa tem condições de localizar quem ganhou e não o faz destinando o prêmio para outros fins, isso implica em enriquecimento sem causa do poder público", disse Capez.

Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mais de 250 empregos podem ser gerados por projetos do Codecon
Cidade
Prefeitura abre pré-cadastro para vacinação de pessoas entre 18 e 29 anos
Saúde
MS recebe mais de 50 mil doses da AstraZeneca nesta quinta
Geral
Leilão do exército tem 38 caminhões, ônibus e picapes
Geral
Depac Cepol suspenderá atendimento na manhã desta sexta-feira
Geral
Motociclista invade preferencial e quase morre em acidente
Geral
Candidatos ao estágio remunerado da PGE podem conferir lista de pontuação
Geral
Vídeo: caminhão carregado de tijolos tomba "igual" Karol Conka
Geral
Capital prorroga inscrições de processo seletivo para assistente de educação infantil
Geral
Governo lança "Aqueça Uma Vida" para arrecadação de agasalhos

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio