Menu
Busca segunda, 19 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Reajuste salarial de frentistas pode encarecer combustível

"Normal seria repassar, pois é um custo a mais na folha de pagamento que impacta nas contas do revendedor", afirma sindicalista

01 março 2019 - 15h53Marcos Tenório

Começa a valer a partir de hoje, 1º de março, o novo piso salarial dos trabalhadores em postos de combustíveis de Mato Grosso do Sul, a remuneração sobe para R$ 1.610,15, já acrescido de 30% de periculosidade e o acumulado da inflação dos últimos 12 meses. Mas o aumento nas bombas de combustível, passa pelo dono do estabelecimento.

O aumento salarial vai beneficiar diretamente os frentistas, lavadores, atendentes de escritório, auxiliares de serviços gerais, valeteiros, lubrificador, vigias, caixa interno do posto (escritório) e atendentes de lojas de conveniências, informa José Hélio da Silva, presidente do Sindicato dos Empregados de Postos de Combustíveis e Derivados do Petróleo do Estado do MS (Sinpospetro-MS).

Edson Lazaroto, gerente-executivo do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato Grosso do Sul (Sinpetro-MS), informou que, em Campo Grande a concorrência é muito grande, são mais de 160 postos de combustível que "brigam" pelo mercado, mas o aumento na bomba de gasolina vai depender de cada um.

Lazaroto afirmou, “o normal seria repassar, pois é um custo a mais na folha de pagamento que impacta nas contas do revendedor, pois tudo que é custo altera a planilha do posto”, disse.

A reportagem do JD1 Notícia entrou em contato com três postos de combustíveis da capital, os donos foram enfáticos em dizer que não será repassado para o consumidor esse aumento, e que a única alteração que acontece nas bombas, é quando o preço do produto altera nas refinarias.

A dona de um posto no Carandá Bosque disse que nunca repassou essa conta para o consumidor, o repasse é feito quando a uma alta do combustível autorizada pelo governo, e que os custos fixos não são repassados pois se tivesse que fazer isso, a gasolina iria passar de R$ 5,00, afirmou.

Prefeitura - Niver CG

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Hospital Regional do MS será modernizado para melhor atendimentoo
Geral
Remédio para cólica menstrual tem efeito para tratar esquistossomose
Geral
Embraer divulga fotos de protótipo de avião com propulsão elétrica
Geral
Número de brasileiros presos no exterior sobe 18% em um ano
Geral
Trabalho de estudantes de MS contra violência doméstica e feminicídio ganha tela na TVE Cultura
Geral
Funsat Itinerante faz encaminhamento para emprego a emissão de CTPS
Geral
Mãe e filha de 5 anos que tiveram a casa queimada pedem doações
Geral
Trabalhador fica soterrado após desmoronamento em obra de drenagem
Geral
Detran inicia leião de veículos nesta sexta
Geral
Empresas locais apostam em troca de experiências e práticas

Mais Lidas

Polícia
Vídeo - Motociclista bate em ônibus e morre no local
Internacional
Homem bomba mata 63 pessoas em festa de casamento
Polícia
Polícia encontra ponto de venda de drogas em falsa empresa de reciclagem
Geral
Remédio para cólica menstrual tem efeito para tratar esquistossomose