Menu
Busca sábado, 20 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Saúde prorroga campanha e amplia grupos de vacinação a partir de hoje

04 junho 2012 - 10h46Denilson Secreta

Como a meta de cobertura não foi alcançada (chegou a 69,66%), a Secretaria Municipal de Saúde decidiu prorrogar a vacinação contra gripe até o término do estoque de doses disponíveis para Campo Grande. A partir de hoje serão ampliados os grupos com direito a receber à vacina. Poderão ser imunizados os hipertensos, diabéticos, renais crônicos, portadores do vírus HIV e também quem tiver doenças respiratórias crônicas e graves.

Não haverá mais prioridade para crianças (na faixa etária de seis meses e menos de dois anos); idosos; gestantes; trabalhadores em saúde e indígenas. Estes grupos continuarão tendo direito à vacina, mas como os estoques são baixos, quem não se antecipar corre o risco de chegar aos postos e não ter mais a vacina.

Quem estiver cadastrado nos programas de controle de diabete, hipertensão, AIDS, basta procurar o posto mais próximo da sua casa que a partir de segunda-feira receberá a vacina. Aqueles pacientes que não fazem acompanhamento nas unidades básicas de saúde, também poderão ser atendidos desde que apresentem atestado médico comprovando terem pressão alta ou que são diabéticos. Equipes da Secretaria de Saúde devem percorrer os centros de hemodiálise para atender os renais.

Segundo o último levantamento da Secretaria Municipal de Saúde, foram aplicadas 82.332 doses da vacina contra gripe, o que corresponde a 69,66% da meta de atender 118 mil pessoas. Entre os trabalhadores de saúde 100% foram vacinados; 57% das gestantes; 65% das crianças; 70% dos idosos e 31,65% da população indígena.

Segundo os profissionais da área de saúde, é necessário promover a vacinação nesta época do ano, porque é um período em que a estiagem torna a umidade do ar baixa e, assim, com o ar seco, faz com que a pessoa fique com baixa defesa do organismo e seja contaminada com mais facilidade. A vacina na verdade não impede que a pessoa pegue a gripe. Mas ela certamente elimina a possibilidade de suas complicações, como a pneumonia, que se não tratada pode levar à morte.

Via CG Notícias

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
CCR-MSVia é notificada por falta de guichês de atendimento e troco para usuário
Geral
Sindivarejo realiza treinamento para gestão de e-social em maio
Geral
Sete em cada dez internautas pretendem comprar chocolate na Páscoa
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária
Geral
Unesul, São Luiz e Eucatur são autuadas por não concederem gratuidade a idosos
Geral
Ministério divulga regras para policiamento comunitário
Geral
PRF inicia a "Operação Semana Santa" nas rodovias federais de MS
Geral
Siqueira contesta financiamento para beneficiar caminhoneiros
Geral
Fiems apresenta projeto e firma parceria com Prefeitura de Ponta Porã
Geral
Guarda Metropolitana atua em esquema especial para evitar "massacres"

Mais Lidas

Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária
Cidade
Morre no Rio, aos 40 anos, MC Sapão
Polícia
Jovem tem bicicleta furtada em estacionamento de supermercado