Menu
Busca segunda, 10 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
Governo 02
Internacional

Homem bomba mata 63 pessoas em festa de casamento

Grupo terrorista Estado Islâmico reivindicou o ataque

18 agosto 2019 - 13h50Sarah Chaves, com informações do G1

Um homem bomba acionou seu cinturão de explosivos em uma festa de casamento na noite de sábado (17), em Cabul, no Afeganistão. O grupo terrorista Estado Islâmico reivindicou neste domingo (18), o atentado que matou 63 pessoas e deixou outras 182 feridas, entre mulheres e crianças.

Uma testemunha disse à TV americana CBS que mais de mil pessoas haviam sido convidadas para a cerimônia e festa.

O bairro onde aconteceu o ataque tem sido alvo de ataques suicidas nos últimos anos, pois lá estão alvos como mesquitas e centros educacionais. A maioria desses ataques foi assumida pelo Estado Islâmico, que é de origem sunita

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Polícia tenta impor distanciamento em praia e é atacada
Internacional
Vídeo - Avião cai com quase 200 pessoas a bordo na Índia
Internacional
Funcionários do porto de Beirute são detidos por explosões
Internacional
Beirute: Número de mortos chega a 137; 300 mil estão desabrigados
Internacional
Vídeo - Incêndio destrói mercado nos Emirados Árabes
Internacional
Vídeo: Ensaio fotográfico de noiva é interrompido por explosão em Beirute
Internacional
Vídeo: Homem é resgatado com vida após ficar 16 horas sob escombros, em Beirute
Internacional
Beirute: Com cerca de 100 mortos, hospitais enfrentam superlotação
Internacional
Área de explosão tinha galpões com produto químico, diz Governo Libanês
Internacional
Sobe para 50 número de mortos por explosão em Beirute

Mais Lidas

Economia
Com totens indicativos, produtos de MS ganham destaque nas prateleiras
Campanha “Compre de MS” busca incentivar consumo de produtos da indústria local
Saúde
Vídeo: Recém-nascido recebe alta após superar coronavírus em MS
Internacional
Polícia tenta impor distanciamento em praia e é atacada
Geral
Focos de incêndios no Pantanal ultrapassam os 3,5 mil apenas em Corumbá