Menu
Busca quinta, 16 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
Gov - Estado que Cresce (set21)
Política

Comissão da Câmara aprova projeto que obriga Detrans a avisar vencimento da carteira de motorista

15 abril 2013 - 10h17Reprodução

Dois projetos de lei que beneficiam os motoristas serão analisados nos próximos dias pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, em caráter conclusivo. Um deles obriga os órgãos de trânsito dos estados e do Distrito Federal (Detrans) a comunicar com 90 dias de antecedência o vencimento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

O texto aprovado pela Comissão de Viação e Transportes, em caráter conclusivo, estabelece ainda que os órgãos devem informar a quantidade de infrações e data de vencimento dos pontos anotados na carteira, nos casos de infrações cometidas no ano anterior.

O relator da proposta, deputado José Stédile (PSB-RS), disse que em alguns casos os motoristas se esquecem de observar a validade da carteira e acabam sendo punidos com multa, apreensão do documento e do veículo, que só poderá ser retirado por condutor habilitado.

O outro projeto obriga os órgãos de trânsito a fornecer aos usuários o número do protocolo de atendimento feito por centrais telefônicas, internet ou presencial, bem como solicitações verbais. O texto também determina que a resposta deverá ser dada até 48 horas após a solicitação do consumidor. Para o relator do projeto na Comissão de Defesa do Consumidor, onde o texto foi aprovado em caráter conclusivo, deputado Severino Ninho (PSB-PE), a medida irá facilitar a vida dos usuários dos serviços.

“A presente proposição cria duas obrigações para os órgãos ou entidades executivos de trânsito: fornecimento de número de protocolo e resposta ou prestação do serviço solicitado em até 48 horas, os quais, se espera, irão melhorar em sobremaneira o serviço em questão. Desse modo, consolidar-se-ia o direito do consumidor supracitado”, argumenta o relator.

Se os projetos forem aprovados pela CCJ, eles serão encaminhados diretamente para apreciação do Senado, sem serem votados pelo plenário da Câmara.

Via Agência Brasil

Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Ministro Dias Toffoli participará de evento no TRE-MS na sexta
Política
Ex-mulher de Bolsonaro é convocada a depor na CPI da Pandemia
Política
Ministro defende aumento "modesto e moderado" para Bolsa Família
Política
Justiça autoriza condução coercitiva de depoente na CPI da Pandemia
Política
Ranking Pesquisas mostra avaliação do Governo MS em Dourados
Política
Para Temer, "presidencialismo no Brasil está esfarrapado"
Política
STF pretende derrubar decreto de Bolsonaro sobre armas
Política
Capitais registraram manifestações contra o Bolsonaro
Política
Vídeo: Ato anti-Bolsonaro na Paulista já começou
Política
Cinco municípios brasileiros têm eleições suplementares hoje

Mais Lidas

Polícia
Corpo é encontrado esquartejado em sacos de lixo
Geral
Ao vivo: Bebê transmite mãe tomando banho no Facebook
Polícia
Jovem é presa por morder enfermeira na UPA do Coronel Antonino
Polícia
Mulher agredida com barra de ferro em espetinho no Aero Rancho contesta versão dada pelo dono