Menu
Busca sexta, 18 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Política

Vereadores aprovam criação do Mapa da Violência na capital

Também foi aprovado um cartão de identificação para pessoas do espectro autista

13 agosto 2020 - 13h55Flávio Veras, com informações da assessoria

A Câmara Municipal de Campo Grande aprovou nesta quinta-feira (13), em primeira discussão, a criação do mapa da violência na capital. A ideia é contruirr um banco de dados divididos com informações de tipificações de crimes e ações de combate à violência

O projeto de lei foi apresentado pelos vereadores Willian Maksoud (PTB), mas foi assinado por todos os parlamentares.

Segundo o texto, o objetivo é nortear o município no combate a crimes e violência.  A partir da coleta de dados, será feita uma formação técnica para que diminuição da violência, promete o projeto, que ainda será discutido em segunda votação e, posteriormente, analisado pela Prefeitura de Campo Grande.

Ainda nesta quinta, também foi aprovado o Projeto de Lei 9.587/19, que autoriza o Executivo Municipal a instituir o cartão de identificação para pessoa com transtorno do espectro autista e demais deficiências, residente em Campo Grande.

A proposta é do vereador Papy e tem objetivo de garantir o direito aos acompanhantes de pessoas com Transtorno do Espectro Autista de utilizarem as vagas reservadas para pessoas com deficiência.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
OAB de MS não assinou apoio a presidente nacional
Política
Por unanimidade relatório de prosseguimento de impeachment de Wilson Witzel é aprovado
Política
Coronel David critica vídeo onde grupo joga futebol com "cabeça de Bolsonaro"
Política
Carlos e Eduardo Bolsonaro são intimados pela PF a depor sobre atos antidemocráticos
Política
Conheça os pré-candidatos à prefeitura, definidos em convenções
Política
Partidos têm até hoje para definir candidatos
Política
Adriane segue vice de Marquinhos para reeleição
Política
Soraya diz que não apoiará Trutis; deputado “agradece”
Política
Para enfrentar queimadas, Estado recebe 3,8 milhões
Política
Ex-prefeito diz que “nem podia roubar” por vergonha de assessor honesto

Mais Lidas

Geral
Confira a agenda de lives para esta sexta-feira
Geral
CRMV-MS traz veterinários que atuaram em Brumadinho para ajudar no combate ao incêndio do pantanal
Cidade
Após 20 anos vivendo na irregularidade, 215 famílias de Bodoquena receberão título de propriedade
Justiça
Espaço de eventos indenizará em R$ 20 mil casal por falta de água durante casamento