Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Saúde

Mais Médicos abrirá inscrições para profissionais formados no exterior

Candidatos terão entre os dias 11 e 14 de dezembro para enviar documentação ao ministério

07 dezembro 2018 - 13h52Da redação com Agência Brasil

O Ministério da Saúde decidiu abrir as inscrições do Programa Mais Médicos aos profissionais brasileiros e estrangeiros formados no exterior (sem registro no Brasil).

Os candidatos terão entre os dias 11 e 14 de dezembro para enviar documentação ao ministério e estarem aptos para validação da inscrição.

Hoje (7), às 23h59, termina a inscrição de médicos com registro no Brasil.

De acordo com o ministério, são necessários 17 documentos para validar a inscrição, entre eles, o reconhecimento da instituição de ensino pela representação do país onde os profissionais obtiveram a formação.

Até ontem (6), o Mais Médicos havia registrado 35.716 inscrições, preenchendo 98,6% das 8.517 vagas disponibilizadas, ou seja, 8.402 profissionais alocados. Desse total, 3.949 médicos já se apresentaram aos municípios selecionados. Os profissionais têm até o dia 14 deste mês para apresentação nos municípios.

Totem_Alcool Gel

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Preocupante: mortes por coronavírus passam de 100 em MS
Saúde
Coronavírus: mais 386 novos casos totalizam 9.062 em MS
Saúde
Precisa de pediatra? Saiba em qual UPA ou CRS encontrar nesta quinta
Saúde
Brasil passa de 60 mil mortes e 1,4 milhão de casos de Covid-19
Saúde
OMS alerta que relaxar medidas cedo pode causar nova onda de covid-19
Saúde
Promotora do MP alerta para aumento em ocupação de leitos por coronavírus
Saúde
URGENTE: MS registra 711 casos e 9 mortes por coronavírus em 24h
Saúde
Coronavírus: registrando o 85° óbito, julho começa com morte de médico
Saúde
Saiba onde terá pediatra ou clínico geral atendendo nesta quarta
Saúde
Avanço da Covid-19 faz Rochedo decretar "lockdowm" por 15 dias

Mais Lidas

Polícia
Comboio de 20 carros é apreendido transportando contrabando em MS
Saúde
Preocupante: mortes por coronavírus passam de 100 em MS
Política
"Projeto das Fake News gera interesse em 30 países", diz Nelsinho
Polícia
Com medidor sonoro, “festeiros” terão punições mais severas