Menu
Busca quinta, 29 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Senai - EAD_senai_tecnico
Saúde

Mandetta anuncia nova modalidade de compra de medicamentos

Governo só vai pagar por remédio de doenças raras se houver melhora do paciente

27 fevereiro 2019 - 18h58Da redação com informações do Ministério da Saúde

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou nesta quarta-feira (27) uma nova modalidade de compra de medicamentos via Sistema Único de Saúde (SUS), o compartilhamento de risco com as indústrias, que prevê que o governo só pague pelo remédio caso haja melhora do paciente.

O anúncio foi feito durante sessão solene em comemoração ao Dia Mundial das Doenças Raras, no Congresso Nacional. A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, participou da cerimônia.

A adoção do compartilhamento de risco, de acordo com a pasta, gera, a curto prazo, economia que deve ser revertida em ampliação do acesso e maior qualidade no atendimento. 

Spiranza

O primeiro medicamento passível de ser incorporado na rede pública via compartilhamento de risco, segundo o ministro, é o Spiranza, que trata pacientes com atrofia muscular espinhal (AME). Mandetta disse que vai pedir celeridade nas discussões no âmbito da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias (Conitec). “Faremos apenas dez dias de audiência, para cumprir esse prazo, e devemos anunciar a incorporação via compartilhamento de risco dessa medicação”, disse. 

Doenças raras

Dados do ministério revelam que, no Brasil, cerca de 13 milhões de pessoas vivem com algum tipo de doença rara. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 65 pessoas a cada grupo de 100 mil indivíduos são acometidas por esse tipo de condição, sendo que 80% dos casos decorrem de fatores genéticos.

Cruzeiro do Sul - 44 anos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Vizinha, abre a janela! Carro do fumacê passará por seis bairros
Saúde
Covid-19: Brasil deve receber 69,4 mi de doses de vacinas em setembro
Saúde
Julho se aproxima do fim com 19.309 casos confirmados de covid-19
Saúde
Três UPAs terão pediatras durante o dia na capital
Saúde
Pessoas com 31 ou mais vacinam na quinta
Saúde
Em situação de alerta, Hemosul pede ajuda da população
Saúde
Covid: Com 10 mil testes, FIEMS retoma diagnóstico gratuito
Saúde
MS lidera no ranking da OPAS como o estado que melhor vacina contra a Covid-19
Saúde
Butantan entrega mais 1,5 milhão de doses de CoronaVac
Saúde
MS confirma mais 1.060 casos e 23 mortes por covid-19

Mais Lidas

Geral
Vídeo: 'Rapidinha' na cozinha da errado e casal é flagrado só no love
Geral
Com Covid, Arlindo Namour morre no Proncor
Internacional
Vídeo: jovem tenta gravar dança em guindaste, mas despenca e morre
Polícia
Investigação concluí que enfermeiro do HR estuprou paciente em fevereiro