Menu
Busca domingo, 21 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Brasil

"Pacote de Moro" prevê mudanças em 14 leis

Um dos focos do ministro da Justiça é o crime organizado

04 fevereiro 2019 - 16h59Mauro Silva com Folha de São Paulo

O "pacote" do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, foi anunciado na manhã desta segunda-feira (4). O projeto prevê mudanças em pelo menos 14 leis do Código Penal em vigor.

De acordo com matéria da Folha de São Paulo, o projeto envolve os códigos penal, processual e eleitoral, que inclui o item a criminalização do caixa dois, além de atingir as leis de execução penal e crimes hediondos. O "pacote" de Moro, entre outros temas, aborda também questões sobre o combate a organizações criminosas citando nominalmente PCC, Comando Vermelho e milícias.  

O texto da equipe de Moro foi enviado à Casa Civil  na última  sexta-feira (1º) e será apresentada hoje a governadores e secretários de Segurança Pública, em breve a proposta segue ao Congresso para tramitação.

Na área penal, o texto prevê ainda a execução provisória para condenados em segunda instância e o aumento da efetividade dos tribunais de júri em caso de pena por homicídio. As medidas visam o endurecimento aos crimes ligados a armas de fogo, inclui a legislação  para o uso do bem apreendido  pelos órgão de segurança pública.

Em um vídeo divulgado pelo Ministério da Justiça, neste domingo (3), Moro avaliou seu "pacote" como sendo simples, mas objetivo. Ele destacou também o combate ao crime organizado. “Boa parte dos homicídios está relacionado ao tráfico de drogas”, afirmou Moro.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Bolsonaro diz que invasão de terra tem que ser tipificada como terrorismo
Brasil
Recadastramento de clientes de celulares pré-pagos começa nesta quinta
Brasil
Moraes revoga decisão que censurou reportagens
Brasil
Avianca vai devolver oito aeronaves depois da Páscoa
Brasil
Bolsonaro exonera general corumbaense, da secretaria de Esportes
Brasil
Mulher é presa seis anos após matar o ex-namorado
Brasil
Mega acumula e pode pagar R$ 60 mi, no sábado
Brasil
Revista Time coloca Bolsonaro entre os "100 mais influentes do mundo"
Brasil
Fachin quer manifestação de Moraes sobre inquérito de fake news
Brasil
Vale vai retomar atividades na Mina de Brucutu

Mais Lidas

Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária