Menu
Busca quarta, 15 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
Clima

Inmet emite aviso de queda de temperatura de até 5°C no Estado

A temperatura pode sofrer um declínio de 3°C e 5°C nesta terça-feira

02 junho 2020 - 14h55Sarah Chaves

O Instituto Nacional De Meteorologia (Inmet), publicou um aviso de queda de temperatura em Mato Grosso do Sul, neste terça-feira (2),  com previsão de durar até o período noturno.

De acordo com o aviso, as áreas afetadas são as regiões Leste, Sul, Sudoeste, Pantanal e Centro-Norte, onde a temperatura pode sofrer um declínio de 3°C e 5°C.

Os municípios que mais sofrem essa variação são principalmente, Corumbá, Miranda, Ivinhema, Campo Grande, Ivinhema, Jardim, Bataguassu e Sete Quedas.

O tempo estará mais seco e com baixa umidade do ar à tarde, próxima aos 35% no norte, onde a possibilidade de chuva é pequena.

Em Campo Grande dia permanece nublado e com pancadas de chuva, com mínima prevista para 15°C.

Veja a área onde está previsto as quedas de temperatura

Connfira as previsões de temperatura no mapa abaixo:

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Clima
Deve chover à tarde e à noite nesta terça-feira na capital
Clima
Temperatura máxima pode chegar a 34ºC na capital neste domingo
Clima
Fique atento: Sábado é de sol, mas pode ter pancadas de chuva isolada
Clima
Dia todo será nublado com frio de 7ºC na capital
Clima
Forte neblina toma conta da capital e deve esfriar à noite
Clima
Terça-feira será de poucas nuvens e máxima de 32ºC na capital
Clima
Novo ciclone com ventos de até 100km/h podem atingir o país em 48h
Clima
Dia será ensolarado com máxima de 32ºC na capital
Clima
Dia será de céu com poucas nuvens e chuva a noite na capital, diz Inmet
Clima
"Sábadou" com sol e algumas nuvens, mas sem chuva na capital

Mais Lidas

Polícia
“Encontraram o monstro”, diz primo de Carla sobre assassino
Polícia
Ex-patroa é denunciada por abandono de incapaz que resultou em morte
Saúde
MP solicita inspeção em frigoríficos no interior
Polícia
Comerciante foi morta porque reconheceu voz de ex-funcionário, diz investigação