Menu
Busca sexta, 16 de abril de 2021
(67) 99647-9098
TJMS abril21
Economia

Dia dos namorados: Procon divulga pesquisa de produtos e serviços

09 junho 2012 - 15h56Edemir Rodrigues

Para os enamorados que desejam surpreender de forma mais romântica a amada, sem ter um custo tão elevado, a melhor opção é dar flores. É o que aponta a pesquisa do Dia dos Namorados divulgada hoje (07) pelo Procon, que mostra que existem vários tipos de ramalhetes e arranjos para todos os gostos e bolsos. O objetivo  da pesquisa é orientar os consumidores e mostrar que é possível presentear sem pesar no orçamento.

“A intenção do estudo é mostrar que é possível que os namorados se presenteiem de uma forma romântica sem gastar muito, mas para isso é necessário pesquisar”, enfatiza o superintendente do Procon, Alexandre Rezende. Na pesquisa foram avaliados preços de floricultura e cestas café, restaurantes e motéis.

Foram pesquisadas seis floriculturas  e 43 itens, sendo que as maiores variações foram em cesta café da manhã, com 324%. A cesta mais barata pesquisada foi de R$ 65,00 e a mais cara de R$ 288,80. Já entre as flores, a maior variação está entre os arranjos, com 150%.  O consumidor pode encontrar um vaso de flor no valor de R$ 10,00  até um arranjo de rosas colombianas por R$ 140, ou se preferir pode optar por um singelo botão de rosa vermelha, por apenas R$ 3,00.

Outro item do levantamento foram os restaurantes que foram divididos em três categorias: comida japonesa, restaurante tradicional e pizzaria. Ao todo o Procon analisou 15 estabelecimentos, sendo que no rodízio de comida japonesa foram encontrados valores entre R$ 22,90 e R$ 36,90 no rodízio simples. Já nos restaurantes tradicionais a variação é maior: um jantar completo varia de R$ 19,90 a R$ 42,00, sem bebida. E para os casais que preferem algo mais despojado é possível encontrar um rodízio de pizza entre R$ 18,90 até R$ 25,00.

Foram avaliados também os motéis, divididos em oito categorias: apartamento simples; apartamento luxo; suíte simples e suíte master, considerando para cada acomodação o período de três horas ou o pernoite. O apartamento simples é o que mais apresentou variação, com 113%. O levantamento apontou que o valor varia entre R$ 35,00 a R$ 70,00. Já o pernoite, de R$ 80,00 a R$ 120,00. O Procon ressalta que os valores de todos os produtos pesquisados mudam de acordo com a qualidade dos produtos ou estabelecimento.

O superintendente ressalta ainda que ao pesquisar o melhor preço é necessário considerar a qualidade dos produtos, mas lembra que o levantamento serve para os casais perceberem que "podem fazer um programa legal gastando menos de R$ 60,00 e já incluindo o presente e a noite especial”, conclui Alexandre.

O Procon alerta que em caso de publicidade enganosa, o consumidor pode fazer uma reclamação pelo 151 ou pelo site do PROCON em até 30 dias.

Via Notícias MS

APP JD1_android

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Auxílio Emergencial: Começa hoje pagamento para beneficiários do Bolsa Família
Economia
"Preservar setor e manter renda", diz Riedel sobre prorrogar ICMS de bares e restaurantes
Economia
Governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 em 2022
Economia
Nascidos em maio recebem auxílio emergencial nesta quinta
Economia
Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em abril
Economia
Prazo para contestar auxílio emergencial negado termina hoje
Economia
Em reunião Senador Nelsinho Trad tenta destravar R$ 67,7 milhões para MS
Economia
Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em fevereiro
Economia
Auxílio Emergencial, como sobreviver com esse valor? Veja dicas
Economia
MS fecha fevereiro com saldo positivo em geração de empregos na indústria

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio