Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
Economia

Dia dos namorados: Procon divulga pesquisa de produtos e serviços

09 junho 2012 - 15h56Edemir Rodrigues

Para os enamorados que desejam surpreender de forma mais romântica a amada, sem ter um custo tão elevado, a melhor opção é dar flores. É o que aponta a pesquisa do Dia dos Namorados divulgada hoje (07) pelo Procon, que mostra que existem vários tipos de ramalhetes e arranjos para todos os gostos e bolsos. O objetivo  da pesquisa é orientar os consumidores e mostrar que é possível presentear sem pesar no orçamento.

“A intenção do estudo é mostrar que é possível que os namorados se presenteiem de uma forma romântica sem gastar muito, mas para isso é necessário pesquisar”, enfatiza o superintendente do Procon, Alexandre Rezende. Na pesquisa foram avaliados preços de floricultura e cestas café, restaurantes e motéis.

Foram pesquisadas seis floriculturas  e 43 itens, sendo que as maiores variações foram em cesta café da manhã, com 324%. A cesta mais barata pesquisada foi de R$ 65,00 e a mais cara de R$ 288,80. Já entre as flores, a maior variação está entre os arranjos, com 150%.  O consumidor pode encontrar um vaso de flor no valor de R$ 10,00  até um arranjo de rosas colombianas por R$ 140, ou se preferir pode optar por um singelo botão de rosa vermelha, por apenas R$ 3,00.

Outro item do levantamento foram os restaurantes que foram divididos em três categorias: comida japonesa, restaurante tradicional e pizzaria. Ao todo o Procon analisou 15 estabelecimentos, sendo que no rodízio de comida japonesa foram encontrados valores entre R$ 22,90 e R$ 36,90 no rodízio simples. Já nos restaurantes tradicionais a variação é maior: um jantar completo varia de R$ 19,90 a R$ 42,00, sem bebida. E para os casais que preferem algo mais despojado é possível encontrar um rodízio de pizza entre R$ 18,90 até R$ 25,00.

Foram avaliados também os motéis, divididos em oito categorias: apartamento simples; apartamento luxo; suíte simples e suíte master, considerando para cada acomodação o período de três horas ou o pernoite. O apartamento simples é o que mais apresentou variação, com 113%. O levantamento apontou que o valor varia entre R$ 35,00 a R$ 70,00. Já o pernoite, de R$ 80,00 a R$ 120,00. O Procon ressalta que os valores de todos os produtos pesquisados mudam de acordo com a qualidade dos produtos ou estabelecimento.

O superintendente ressalta ainda que ao pesquisar o melhor preço é necessário considerar a qualidade dos produtos, mas lembra que o levantamento serve para os casais perceberem que "podem fazer um programa legal gastando menos de R$ 60,00 e já incluindo o presente e a noite especial”, conclui Alexandre.

O Procon alerta que em caso de publicidade enganosa, o consumidor pode fazer uma reclamação pelo 151 ou pelo site do PROCON em até 30 dias.

Via Notícias MS

PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Novo Toque de Recolher muda funcionamento dos shoppings de CG
Economia
Valor do leite sofre reajuste de 18% em MS durante a pandemia
Economia
230 mil empresários receberam indevidamente o auxílio de R$600, aponta TCU
Economia
Junho tem o maior volume de vendas do ano, diz Receita Federal
Economia
BNDES disponibiliza R$5 bi para micro, pequenas e médias empresas
Economia
Fiems e Banco do Brasil anunciam linha de crédito emergencial para empresários
Economia
Procon encontra variações de até 897% nos preços de produtos de inverno
Economia
Produção de petróleo em maio caiu devido pandemia
Economia
AO VIVO - Entidades orientam empresário a obter empréstimos de emergência
Economia
Crédito emergencial para empresas será anunciado nesta quarta

Mais Lidas

Geral
Vídeo: Meteoro, OVNI, o que rasgou o céu na região do Santa Maria?
Entrevista
AO VIVO – Por que a respiração pode atrapalhar no emagrecimento?
Geral
AO VIVO - V12 e DJ Marcelo Natureza tocam as mais pedidas pelo público
Saúde
Prefeitura garante R$ 9,5 milhões para a Santa Casa