Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
Economia

Nota Premiada tem apoio da Fecomércio

O programa foi criado pelo Governo do Estado para promover a cidadania fiscal e combater a sonegação de impostos no atacado e no varejo

13 janeiro 2020 - 09h11Marya Eduarda Lobo, com informações da assessoria

O programa Nota MS Premiada, criada pelo Governo do Estado para promover a cidadania fiscal e combater a sonegação de impostos no atacado e no varejo, conta com a aprovação da Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul (Fecomércio-MS).

Edison Ferreira de Araújo, presidente da instituição, avalia que o programa é uma parceria do Governo com o consumidor que torna as relações de consumo mais transparentes.

Desde 1 de janeiro, todos os cupons fiscais emitidos por empresas contribuintes de ICMS no Estado já possuem oito dezenas geradas aleatoriamente para participar do sorteio dos prêmios, a ser realizado de acordo com números de concursos da Mega-Sena.

Algumas notas fiscais não são impressas com as oito dezenas, nesse primeiro mês, por causa da atualização dos sistemas dos lojistas. Mas os números podem ser conferidos no site que se encontra aqui, na aba ‘Consulte suas notas’.

O Governo comunica os comerciantes sobre a necessidade da atualização até o dia 31 de janeiro. A atualização não gera custo ao contribuinte e será feita com apoio de empresas especializadas.

Prêmios

Compras a partir de R$ 1 já podem participar do sorteio, que será sempre no mês posterior à emissão da nota fiscal. Ou seja, documentos autorizados em um respectivo mês concorrerão no mês seguinte.

A cada sorteio, o programa Nota MS Premiada vai distribuir dois prêmios em dinheiro líquido de imposto de renda. O primeiro deles é de R$ 100 mil para os acertadores de seis dezenas. O segundo é de R$ 200 mil para ganhadores de cinco dezenas.

Não havendo sorteados para as seis dezenas o prêmio de R$ 100 mil será juntado ao prêmio de R$ 200 mil. E caso não haja ganhadores para as seis dezenas e nem para as cinco dezenas os prêmios retornarão ao fundo do programa.

PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Novo Toque de Recolher muda funcionamento dos shoppings de CG
Economia
Valor do leite sofre reajuste de 18% em MS durante a pandemia
Economia
230 mil empresários receberam indevidamente o auxílio de R$600, aponta TCU
Economia
Junho tem o maior volume de vendas do ano, diz Receita Federal
Economia
BNDES disponibiliza R$5 bi para micro, pequenas e médias empresas
Economia
Fiems e Banco do Brasil anunciam linha de crédito emergencial para empresários
Economia
Procon encontra variações de até 897% nos preços de produtos de inverno
Economia
Produção de petróleo em maio caiu devido pandemia
Economia
AO VIVO - Entidades orientam empresário a obter empréstimos de emergência
Economia
Crédito emergencial para empresas será anunciado nesta quarta

Mais Lidas

Brasil
Bolsonaro aprova lei que prioriza teste para profissional essencial
Polícia
Empresa deixa fio atravessado na rua e casal “cego” pela neblina se enrosca e cai de moto
Polícia
Policial comete suicídio na capital
Polícia
Por causa de carro, homens “saem no tapa” em plena Mato Grosso