Menu
Busca sábado, 27 de fevereiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo - campanha estado que cresce - Topo
Esportes

Pato marca na sua estreia e ajuda o Corinthians a golear o Oeste

04 fevereiro 2013 - 10h31Paulo Liebert
Na estreia de Alexandre Pato, deu tudo certo para o Corinthians. A equipe teve uma atuação convincente diante do Oeste e ainda viu o atacante marcar um gol na goleada por 5 a 0 no Estádio do Pacaembu, em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Paulista. Guerrero fez dois e o placar poderia ser mais largo se Emerson não perdesse um pênalti.
 
O Corinthians tem agora 10 pontos, enquanto que o Oeste segue com um, na zona de rebaixamento para Série A2 do Paulistão. Na próxima rodada do estadual, o elenco corintiano enfrenta o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, na quarta-feira. Já o Oeste vai até Jundiaí, também na quarta-feira, para pegar o Paulista.
 
O jogo
Os minutos iniciais da partida foram marcados pela troca de passes entre os titulares do Corinthians. Com dificuldades para furar a barreira do Oeste, a equipe da capital tinha avanços tímidos. Até que surgiu Alessandro. Aos 9 minutos, o jogador recebeu bom passe de Paulinho pela direita, desceu até a lateral e cruzou na medida para Guerrero. De cabeça, o atacante mandou a bola para o fundo da rede, abrindo o placar no Pacaembu.
 
O gol pareceu ter desestabilizado o Oeste, que vinha conseguindo frear as investidas corintianas. Aproveitando-se desse baque, a dupla Alessandro/Guerrero atacou novamente. Em jogada muito parecida à que resultou no primeiro gol, Alessandro, aos doze minutos, cruzou da direita. A bola encontrou a cabeça de Guerrero, que não perdeu tempo para ampliar o placar.
 
Com a folga no marcador, o Corinthians, com ampla posse, voltou a tocar a bola no meio de campo, resistindo aos esparsos ataques do Oeste. Mas ainda teria tempo para outro gol antes do fim do primeiro tempo. Aos 40 minutos, Emerson puxou contra-ataque, carregou a bola até a entrada da área e tentou tabela com Guerrero. Na dividida com o goleiro do Oeste, a bola sobrou livre para Paulinho, que só tocou para o fundo do gol. Fim de primeiro tempo e 3 a 0 para o Corinthians.
 
A segunda etapa começou como a primeira: Corinthians tocando a bola e Oeste com a retranca fechada. Emerson chegou a perder um pênalti aos nove minutos, após chutar rasteiro na trave direita. Mas isso não mudou em nada o rumo do jogo: aos 24 minutos, Danilo chutou forte da entrada da área, direto para o quarto gol corintiano.
 
O gol, na verdade, serviu para deixar ainda mais alegre a estreia de Alexandre Pato, que entrou em campo no minuto seguinte, no lugar de Guerrero. E a estreia foi em grade estilo. Em seu primeiro toque de bola, Pato recebeu de Paulinho na direita e chutou. Fernando Leal defendeu, mas, no rebote, o camisa 7 fez o quinto gol corintiano, aos 28 minutos.
 
Pato, contratado por 15 milhões de euros junto ao Milan, assim, mantém a tradição de marcar em todas as estreias. Foi dessa maneira pelo Inter e pelo Milan e nas seleções sub-20 e principal.
 
Via Estadão
Peniel - amigos da pizza

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Horário do jogo decisivo entre Palmeiras e Grêmio pela Copa do Brasil é alterado pela CBF
Esportes
Colorados seguem reclamando de arbitragem em jogo contra o Flamengo
Esportes
Flamengo vence o Inter e assume a liderança a uma rodada do fim do Brasileirão
Esportes
Covid: Aos 71 anos, morre mãe de Ronaldinho Gaúcho
Esportes
São Paulo e Palmeiras duelam em jogo atrasado nesta sexta
Esportes
Santos e Corinthians se enfrentam nesta quarta
Esportes
Dois jogos encerram hoje a 36ª rodada do Brasileirão
Esportes
Flamengo enfrenta Corinthians no Maracanã em busca da ponta da tabela
Esportes
Três jogos abrem neste sábado a 36ª rodada do Brasileirão
Esportes
“Chora Porcú”, sarro em palmeirenses vira faixa em viaduto

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio