Menu
Busca sábado, 24 de setembro de 2022
(67) 99647-9098
TJMS setembro22
Geral

JD1TV: Após acidentes em frente à escola, moradores fecham a Duque de Caxias

Com galhos de árvores, pais dos alunos da escola Frederico Soares impedem motoristas de passarem

23 setembro 2022 - 17h25Brenda Leitte e Brenda Assis

Mães e pais de alunos da Escola Municipal Frederico Soares, localizada na Vila Popular em Campo Grande, pedem por sinalizações e quebra-molas para a Avenida Duque de Caxias, onde vários acidentes já aconteceram, inclusive nesta semana. A via movimentada, onde carros e motos passam em alta velocidade, também tem crianças da escola que precisam transitar pela Avenida, enfrentando o perigo diariamente.

Após diversos registros de acidentes e atropelamentos, de crianças e idosos, moradores da região decidiram fazer manifestação na Duque de Caxias nesta tarde. "Não aguentamos mais essa situação, do jeito que está não pode continuar. Meu filho já foi atropelado voltando da escola, uma criança. Já que os motoristas não tem bom senso, queremos que alguma autoridade faça algo pelas nossas crianças e por quem transita aqui", reclamou Elis Tatiane de Oliveira, de 35 anos, que é mãe de umas das adolescentes atropeladas essa semana, noticiada pelo JD1.

Segundo relato do pequeno Giovane Lucas de Oliveira Silva, de 10 anos, ele foi atropelado na Avenida no dia dos pais. "Eu estava soltando pipa, quando fui correr atrás da linha, uma moto Biz preta me atropelou. Ele bateu na minha barriga e eu saí rolando", contou o filho de Elis, que machucou o rosto, a barriga, as pernas.

Com isso, as crianças da escola municipal reclamam de não conseguirem atravessar a rua. "Eles falam que estão com medo de ir e voltar da escola, porque toda vez é a mesma coisa, ninguém respeita faixa de pedestre. Estamos aqui hoje pedindo por uma sinalização melhor, por um quebra-molas, algo que vai resolver de verdade a nossa situação, porque como está aqui não está adiantando não, e temos como provar", relatou Elis ao JD1.

 

Motoristas

Com galhos no meio da Avenida, os moradores tomaram conta da área, impedindo com que carros e motos passem pelo local. Insatisfeitos com a mobilização dos pais das crianças da escola municipal, motoristas estão precisando dar a volta, para conseguir continuar no trânsito. 

De acordo com equipe de reportagem do JD1 que está no local, alguns motoristas estão aguardando parados na Avenida, e ligando para a polícia. Um dos motoristas ressaltou que os moradores estariam "ferindo o direito dele de ir e vir" e que "os moradores foram influenciados pelos repórteres".

"Isso aqui não pode. A manifestação é licita desde que haja polícia autorizando ou algum órgão dando apoio. Isso que estão fazendo, tem autorização nenhuma, e colocando matagal na Avenida é crime" pontuou um motorista que não conseguiu continuar na via, e segue ligando para a polícia.

Ainda de acordo com informações, por outro lado, outros motoristas passam pelo local buzinando e aplaudindo a atitude, concordando com a necessidade de uma melhor sinalização.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Com sorte? Mega-Sena sorteia R$ 170 milhões neste sábado
Geral
Avião com Bolsonaro arremete em aeroporto de Minas Gerais
Geral
JD1TV: Com ajuda de bombeiros, mãe dá à luz dentro do carro em Avenida
Geral
Pedreiro tem crise convulsiva durante obra e mobiliza Bombeiros; confira
Geral
Vítima de explosão em escola na Capital teve queimaduras de 1° e 2° grau pelo corpo
Geral
Saiba quem vai disputar lista sêxtupla da OAB
Geral
Polícia Militar e Bombeiros têm inscrições abertas para concurso
Geral
Ministério Público premia jornalistas de MS
Geral
Dia do Sorvete: gelateria faz campanha para arrecadar dinheiro para AACC/MS
Geral
Zelenskiy exige punição pelos crimes russos contra a Ucrânia

Mais Lidas

Geral
Saiba quem vai disputar lista sêxtupla da OAB
Polícia
Autor de feminicídio no Jardim Corcovado provocou grave acidente na BR-163
Polícia
JD1TV: Ex-marido esfaqueia mulher até a morte no Jardim Corcovado
Polícia
Mulher quase teve pescoço decepado por ex-marido no Corcovado