Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS Janeiro/21 juizado de transito
Geral

Consumidor vai comprar pelo menos três presentes neste Natal

25 novembro 2011 - 13h37Arquivo

Levantamento realizado pela Fecomércio, em parceria com a Anhanguera-Uniderp e FMB revela que a maioria dos entrevistados vai às compras (77%), o que deve injetar R$ 460.648.722,00 no comércio varejista de MS. "Vale lembrar que cada comprador pensa em comprar pelo menos três presentes, o que poderá aumentar as atividades e montantes de vendas prevista para este Natal. Soma-se a isto o auto presente, ou seja, 3% dos consumidores darão presentes para si mesmo", comenta o pesquisador do Nepes Anhanguera-Uniderp, José Francisco dos Reis Neto.

Os presentes escolhidos não diferem muito das outras datas festivas analisadas. Neste Natal os consumidores irão comprar roupas (26%), brinquedos (12%), perfumaria (11%), calçados (11%), acessórios (10%), eletroeletrônicos (9%). Também, aparece na sua preferência de compra o celular (3%), pacotes de viagem (2%) e móveis (2%).

Quando perguntados o que desejam ganhar no Natal, os consumidores não diferem muito da sua intenção de compra. Relacionam roupas (19%), perfumaria (11%), calçados (11%) e eletroeletrônicos (10%), viagens (7%), acessórios (7%) e celulares (6%), como os principais.

Forma de pagamento – De uma forma geral, nas onze cidades pesquisadas (Aquidauana, Anastácio, Campo Grande, Chapadão do Sul, Corumbá, Ladário, Dourados, Naviraí, Paranaíba, São Gabriel d´Oeste e Três Lagoas), a maioria dos consumidores deverá comprar à vista (76%) e a escolha de pagamento em dinheiro é a preferida para 61% dos entrevistados, seguida pelo cartão de crédito (20%), cartão de débito (9%) e o cheque deve ser usado por 3% dos entrevistados.

A decisão de compra estará associada ao desconto no preço. Segundo a pesquisa, 29% dos entrevistados vão querer descontos. Para 23% a promoção no preço está condicionada a sua forma de preferência de pagamento à vista. "Ele exigirá um preço mais interessante de tal forma que perceba que o pagamento à vista é compensativo. Estes são elementos importantes a serem considerados pelos lojistas, pois a marca do produto (10%), localização da loja (5%) e o nome da loja (4,5%) têm uma participação menor na sua decisão de compra", comenta o pesquisador.

Poucos consumidores irão às compras com antecedência. Apenas 13% deverão ir compras com até 10 dias antes do Natal. No entanto, quase metade, 48% dos consumidores irão comprar nos últimos 10 dias para o Natal e 18% na véspera. 21% ainda não sabem quando irão.

senar janeiro21

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Energisa e Marinha inauguram centro para capacitação de militares
Geral
Vídeo: Gato 'bate' em criança para ela não subir na janela
Geral
Estudante brasileira de 16 anos descobre asteroide durante pesquisa
Geral
AO VIVO: Posse do novo presidente do TJ, Carlos Contar
Geral
Prefeitura convoca motoristas aprovados em processo seletivo de 2019
Geral
Caso Flordelis: filha admite participação em crime e revela assédios do pastor
Geral
Galinhada beneficente pode ajudar a tratar câncer de útero de Verônica
Geral
Com 25 anos, secretária de saúde de Sonora fura fila da vacina
Geral
Vizinho reclama da falta de poda e sujeira no Instituto Arara Azul
Geral
Encceja prorroga prazo de inscrições até dia 25 de janeiro

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio