Menu
Busca sábado, 28 de janeiro de 2023
(67) 99647-9098
Governo - Dengue Jan22
Polícia

Bebê abandonado por acadêmica é entregue a família

A criança foi deixada pela mãe em frente uma residência em Pedro Juan Caballero

20 dezembro 2018 - 08h15Da Redação com Assessoria

A Justiça Paraguaia, após um estudo social e pessoal, determinou que o bebê abandonado pela estudante de medicina Maria Angélica Galdino, 22 anos, em Pedro Juan Caballero, fosse entre a família dela.

Os parentes da criança apresentaram as autoridades paraguaias certidão de nascimento e outros documentos para comprovar os laços com o recém-nascido, solicitando assim o direito da guarda. Até a decisão da Justiça o bebê estava com uma família paraguaia provisóriamente.

O bebê foi abandonado no dia 6 de dezembro em frente a uma casa monitorada por câmeras de segurança. Com acesso às imagens, os investigadores puderam identificar a mãe da criança que atualmente está internada, porém com um mandado de prisão expedido pela Justiça local, por abandono de incapaz.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Mulher consegue fugir após ser enforcada por ladrão com cinto de segurança na Capital
Polícia
Bebê de 1 ano é resgatado de buraco de dois metros em MS; vídeo
Polícia
Carro colide de frente com caminhonete em ponte de Anastácio
Polícia
Homem se masturba perto de crianças e vai preso em MS
Polícia
Justiça mantém prisão de casal acusado de matar Sophia em Campo Grande
Polícia
Mulher fura sinal vermelho e causa capotamento na Dom Aquino
Polícia
Cadela é resgatada com pescoço quase decepado por corda que a amarrava
Polícia
Homem assedia adolescente e diz que estava "demasiadamente excitado"
Polícia
Assaltante rouba R$ 10 e esfaqueia vítima na Vila Planalto
Polícia
Mais de 1,5 tonelada de maconha é apreendida em caminhão na BR-262

Mais Lidas

Brasil
Anitta vira assunto ao ter cenas íntimas vazadas na internet; assista
Polícia
Criança morta com bexiga tinha 7 meses e brincava na sala de casa
Polícia
Mãe ficou 'tranquila' com filha morta em UPA; criança já tinha ido 30 vezes ao hospital
Geral
JD1TV: Policial agride advogada dentro de delegacia da Capital