Menu
Busca quarta, 26 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

PF “na cola” de ex-candidata a deputada por "fraudar prestação de contas"

Gilsy Arce gastou R$ 761,5 mil e teve 491 apenas, na campanha de 2018

23 maio 2019 - 11h11Joilson Francelino

A Polícia Federal cumpriu, na manhã desta quinta-feira (23), três mandados de busca e apreensão expedidos pelo juiz da 53ª Zona Eleitoral de Campo Grande, contra uma ex-candidata a deputada estadual, Gilsienny Arce Munhoz, a Gilsy Arce (PRB).

De acordo com a assessoria da PF, a ex-candidata teria “fraudado a prestação de contas apresentada à Justiça Eleitoral, infringindo os artigos 360 e 354-A, do Código Eleitoral”.

Gilsy disputou uma das cadeiras da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (AL-MS), nas eleições de 2018. Ela teria gasto R$ 761,5 mil e teve 491 votos. A investigação é conduzida pelo Ministério Público, que apura se a candidata “omitiu ou inseriu” informações para justificar o gasto na campanha.

A polícia não deu mais detalhes sobre a operação, nem o que foi apreendido nesta manhã.

Assembleia para todos - junho-19

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Adolescente é apreendido após agredir a mãe
Polícia
Delegacia de Aquidauana tem nova titular após prisão de delegado
Política
Coronel David defende Bolsonaro sobre decisão da demarcação de terras indígenas
Polícia
Helder Molina, o “Dom Molina”, morre em Campo Grande
Polícia
Garoto tem cabeça esmagada por caminhão boiadeiro
Polícia
PF realiza operação em casas de apoio a facções criminosas da capital
Polícia
Dupla fica ferida ao capotar caminhonete carregada de maquiagem
Polícia
Homem é atendido com faca cravada no crânio em MS
Polícia
Vídeo – ex-policial é executado no estacionamento do Shopping China
Polícia
Polícia encontra divergências em amostras de maconha na delegacia de Itaquiraí

Mais Lidas

Polícia
Vídeo – ex-policial é executado no estacionamento do Shopping China
Polícia
Pilar de concreto cai e mata criança deitada em rede
Cidade
Supermercado Real é autuado pela venda de produtos vencidos
Polícia
Homem é atendido com faca cravada no crânio em MS