Menu
Busca sábado, 20 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Política

Caso Larissa Gomes: jovem pode ter sido estrangulada

Essa constatação foi divulgada nesta terça-feira (4), após a emissão da certidão de óbito

04 dezembro 2018 - 14h31Da Redação com Correiodamanhã

A Larissa Gomes de Souza, 23 anos que foi encontrada enforcada em sua residência no último domingo pode ter sido assassinada. Essa nova hipotése apareceu nesta terça-feira (4), após a emissão da certidão de óbito que revelou que a vítima pode ter sido estrangulada. 

A jovem foi encontrada morta pelo próprio filho, de 4 anos, enforcada com um cabo de antena. De acordo com o site Correio da Amanhã, ela teria feito postagens em suas redes sociais antes da sua morte. De acordo com a polícia, o caso estava sendo tratado inicialmente como suicído. Segundo familiares ela não era depressiva, mas de fato já havia levantado, em outras ocasiões, a possibilidade de se matar    

Confira a certidão de óbito

O Caso

Larissa teria ido à um bar com amigos por volta das 17h de sábado (1º), chegando de madrugada em casa. A mãe da vítima, ainda teria ouvido o barulho do sofá sendo arrastado por volta das 3h, mas não se alarmou, pois Larissa usava o móvel para manter a porta fechada.

Segundo a irmã da vítima, Larissa estava tendo um relacionamento, mas não soube explicar o paradeiro do namorado, nem mesmo onde poderia ser encontrado. Em seu perfil no  Facebook, ela havia postado que estava solteira, antes de ser encontrada morta.

Nas redes sociais ela também postou que tinha "Medo de se matar e as pessoas começarem a judiar dos seus filhos" e em seguida disse que na manhã seguinte seria "só saudades". A família da vítima diz desconhecer qualquer razão para Larissa ter cometido suicídio. A jovem deixou três filhos.

Larissa teria ido à um bar com amigos por volta das 17h de sábado (1º), chegando de madrugada em casa. A mãe da vítima, ainda teria ouvido o barulho do sofá sendo arrastado por volta das 3h, mas não se alarmou, pois Larissa usava o móvel para manter a porta fechada.

Segundo a irmã da vítima, Larissa estava tendo um relacionamento, mas não soube explicar o paradeiro do namorado, nem mesmo onde poderia ser encontrado. Em seu perfil no  Facebook, ela havia postado que estava solteira, antes de ser encontrada morta.

Nas redes sociais ela também postou que tinha "Medo de se matar e as pessoas começarem a judiar dos seus filhos" e em seguida disse que na manhã seguinte seria "só saudades". A família da vítima diz desconhecer qualquer razão para Larissa ter cometido suicídio. A jovem deixou três filhos.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Juiz determina prisão de ex-presidente do Peru
Política
"Liberdade de imprensa é baluarte democrático", diz Simone
Política
Grupo que estuda PL Anticrime realizará mesa redonda
Política
Orro sinaliza candidatura da esposa à prefeitura de Aquidauana
Política
Orro cobra transparência da CCR MSVia sobre obras na BR-163
Política
Investigados pelo STF terão redes sociais e WhatsApp bloqueados
Política
Desempregados poderão cancelar serviços sem pagar multa contratual
Política
CCJ da Câmara debate parecer da reforma da Previdência
Política
Supremo censura “Crusoé” e MPF desmente denúncia da revista
Economia
Maia diz que reforma da Previdência deve passar pela CCJ esta semana

Mais Lidas

Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária
Cidade
Morre no Rio, aos 40 anos, MC Sapão
Polícia
Jovem tem bicicleta furtada em estacionamento de supermercado