Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS outubro20
Saúde

Confira a escala médica nas UPAs e CRSs nesta segunda

As UPAs Santa Mônica, Aero Rancho e CRSs Coophavilla II não terão pediatras o dia todo

21 setembro 2020 - 08h15Sarah Chaves

A Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau) divulgou nesta quinta-feira (27), a escala de médicos para atendimento de urgência nas Unidades de Pronto Atendimento (UPASs) e Centros Regionais de Saúde (CRSs) de Campo Grande.

Seguindo a escala, durante o período da manhã, as UPAs do Coronel Antonino, Vila Almeida e Universitário, terão 15  pediatras disponíveis e 49 clínicos atendendo em todas as unidades de urgência e emergência.

Já no período da tarde serão 16 pediatras distribuídos nas UPAs do Cel. Antonino, Vila Almeida e Universitário. Enquanto serão 48 médicos disponíveis, distribuídos em todas as unidades de saúde 24h. 

A noite são 32 pediatras em sete unidades de atendimento. Já o clínico geral estará atendendo em todas as unidades que compõem a escala.

Confira a escala médica de plantão nas UPAs e CRSs nessa segunda-feira.

 
CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
MS registra 6 óbitos e mais 350 casos novos de coronavírus
Saúde
Três UPA's atendem com pediatra durante o dia na capital
Saúde
Morre voluntário que estava testando a vacina de Oxford no Brasil
Saúde
Adolescente de 15 anos morre de coronavírus na capital
Saúde
Nesta manhã, 15 pediatras e 50 clínicos atendem nas UPAs da capital
Saúde
MS tem 92,7% de infectados com coronavírus recuperados
Saúde
Quinze pediatras atenderão nas UPAs da capital nesta manhã
Saúde
Gata é o primeiro animal a testar positivo para Covid-19 no Brasil
Saúde
Campo Grande passa dos 34 mil infectados pelo coronavírus; já são 642 óbitos
Saúde
Unidades de saúde contam com 49 médicos atendendo nesta manhã

Mais Lidas

Cidade
Sábia sai do hospital e precisa de ajuda para conseguir coisas básicas para casa nova
Cidade
Neste "finde" Sesau terá posto de vacinação no shopping Norte Sul
Economia
Procon Estadual tem atendimento especializado para superendividados
Brasil
Senador que morreu de coronavírus minimizava a doença